Tag Archives: Timboo

Gastronomia

Cervejas juiz-foranas são premiadas em concurso nacional

Cervejarias Timboo e Gavioli ganharam medalhas de prata no Concurso Brasileiro de Cervejas, realizado em Blumenau (SC)

Duas cervejarias juiz-foranas ganharam medalhas de prata no Concurso Brasileiro de Cervejas 2022, realizado em Blumenau, com mais de três mil rótulos concorrentes. A Timboo conquistou a colocação com a cerveja Special Bitter, na categoria Special Bitter or Best Bitter, e com a Porter, na categoria Brown Porter. Já a cervejaria Gavioli ficou com a medalha de prata com a Vênus, na categoria Irish-Style Red Ale. A cerimônia aconteceu na noite de terça-feira (8). Neste ano, o concurso bateu recorde de inscritos, com cem jurados de todo mundo e, agora, é considerado o primeiro do mundo com mais marcas de cervejas independentes entre os participantes.

Quarta premiação da Timboo

Não é a primeira vez que as cervejas da Timboo ganham destaque na premiação, que é a maior do ramo na América Latina. A Porter, em 2018, foi campeã na mesma categoria; e a Special Bitter foi prata em 2018. Mário Ângelo Sartori criou a cervejaria junto com sua esposa, Luana Gerhein, em 2009, como um hobby do casal. Em 2014 montaram o bar, que fechou seis anos depois, em 2020. Além da premiação, outro motivo a ser celebrado é que Luana foi convidada a participar do júri do concurso, sendo a primeira representante de Juiz de Fora. Para manter a imparcialidade, ela não julgou as amostras nas categorias em que sua marca estava inscrita.

A Timboo é a primeira cervejaria cigana da cidade. Isso significa que eles não têm fábrica própria: outras fábricas produzem a receita desenvolvida pelo casal. Para Mário, isso é um desafio a mais, já que existe uma mudança no sabor quando a produção muda de lugar. Eles tentam, então, manter a mesma experiência construída há oito anos. Para ele, a premiação mostra que eles conseguiram atingir esse objetivo. O empresário também explica que as duas cervejas premiadas são de estilos ingleses. Neste ano, as cervejas dessa categoria foram avaliadas por especialistas da Inglaterra.

Inspiração na deusa do amor e da beleza

A Gavioli também surgiu como um hobby, em casa, e também era cigana. Com o tempo, a fábrica foi erguida e hoje produz as cervejas da marca. A Vênus, que ganhou a premiação, de acordo com Thales Novais Gavioli, foi inspirada na deusa do amor e da beleza, e tem coloração avermelhada, sendo leve, seca, com toques de caramelo e um leve gosto de tostado.

O cervejeiro acredita que os consumidores de Juiz de Fora são exigentes, o que acaba impulsionando na melhoria das técnicas que contribuem para a qualidade das cervejas especiais. Mário justifica que a cidade tem histórico nessa produção, e, entre os anos de 2004 e 2005, um novo ciclo de microempreendedores cervejeiros se iniciou. O primeiro arranjo cervejeiro local a ser reconhecido pelo Estado de Minas Gerais, aliás, foi o de Juiz de Fora.

Impacto na economia

Desde 2020, os produtores se unem para a consolidação de uma associação das cervejarias da cidade, a Unicerva. De acordo Mário, isso ajudaria na representação das marcas criadas no município. Thales acrescenta que a recorrência das premiações e a própria qualidade das cervejas locais impactam, de forma positiva, a economia juiz-forana, já que as fábricas podem se tornar atrativos turísticos para a cidade.

Fonte: https://tribunademinas.com.br/