Tag Archives: revista de congonhas

Economia

Crea-MG participa de feira de desenvolvimento em Ouro Branco
Foco na notícia :: Crea-MG participa de feira de desenvolvimento em Ouro  Branco

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-MG) estará presente na 2° Semana de Desenvolvimento Econômico de Ouro Branco, que ocorre entre os dias 26 e 29 de julho de 2022. Esta é a segunda vez que a cidade sedia a tradicional feira de negócios, as outras 15 edições foram realizadas em Itabirito. O evento vai reunir indústria, comércio e prestação de serviços, além de oferecer palestras, cursos e oficinas para que empreendedores dos municípios da região se capacitem e melhorem sua atuação no mercado de trabalho. 

O Crea-MG participa do evento com um estande, onde serão distribuídos materiais informativos sobre a fiscalização, além de orientações ao empreendedor sobre a regularização de empresas. O espaço vai contar ainda com a presença de um funcionário do Conselho disponível para orientar os visitantes sobre quaisquer questionamentos sobre o Sistema Confea/Crea e Mútua. Com essa participação, o Crea-MG visa aproximar-se e facilitar o acesso aos profissionais, principalmente vindos de cidades que não possuem unidades do órgão.

Para participar da 2° Semana de Desenvolvimento Econômico de Ouro Branco é preciso que os interessados façam a inscrição gratuita pelo http://www.semanadedesenvolvimento.com.br/index.html

Crea-MG em números – Região Alto Paraopeba

  • 24 municípios
  • 8.550 profissionais registrados
  • 912 empresas ativas
  • 645 ações de fiscalização no 1° semestre de 2022
  • 12.138 ARTs registradas no 1° semestre de 2022
  • 16 Instituições de Ensino com 24 cursos vinculados ao Sistema Confea/Crea

Serviço:
Data: 26 a 29 de julho de 2022
Local: Praça de Eventos – Av. Maria Firmina da Silva, s/n, Ouro Branco

Fonte: https://www.foconanoticia.com.br/

Educação

Escolas da região são premiadas pelo projeto Germinar da Gerdau

Com o tema “A inovação na Prática da Educação Ambiental”, o 7º Prêmio Gerdau Germinar revelou os vencedores nesta terça-feira (12/07), no Biocentro, em Ouro Branco. 

Participaram alunos de instituições de ensino públicas e privadas de Ouro Branco, Congonhas, Conselheiro Lafaiete, Ouro Preto (especialmente os distritos de Mota e Miguel Burnier), Moeda e Itabirito, além de membros das comunidades.

Na categoria Folha, que contempla o Ensino Fundamental, quem leva o prêmio é o projeto “Caminhos de Minas: do ouro ao minério de ferro”, da Escola Municipal José Monteiro de Castro, de Congonhas. 

Escola José Monteiro de Castro em Congonhas venceu a categoria
Escola José Monteiro de Castro em Congonhas venceu a categoria

O projeto “SER+HUMANO: uma pedagogia para a vida”, da Escola Estadual General Sylvio Raulino de Oliveira, de Conselheiro Lafaiete, foi o selecionado da categoria Fruto, dedicada ao Ensino Médio. 

Projeto de escola de Lafaiete também foi premiado
Projeto de escola de Lafaiete também foi premiado

O projeto “Ressignificação de espaços ociosos no município de Conselheiro Lafaiete para produção de hortaliças e plantas medicinais”, do Centro Universitário UNA de Conselheiro Lafaiete, conquistou o prêmio pela categoria Árvore – voltada para o Ensino Técnico e Superior.

UNA recebeu premiação
UNA recebeu premiação

O vencedor da categoria Floresta, dedicada a ONG’s, foi o projeto “Brigada Carcará Voluntária Mirim”, voltada para a Prevenção e Combate a Incêndio Florestal Carcará de Ouro Branco.

ONG também recebeu prêmio
ONG também recebeu prêmio

O processo de avaliação dos projetos foi realizado por uma comissão julgadora, formada por profissionais das áreas de Educação, Meio Ambiente, Pedagogia, Engenharia, Direito, Comunicação e Responsabilidade Social.

Prêmio

A empresa destinará a quantia total de R$ 105 mil reais para premiar as instituições vencedoras, que vão receber também um troféu.

Os projetos selecionados terão um prazo de dois anos para o desenvolvimento do projeto, o que garante o fortalecimento da educação ambiental no cotidiano escolar.

Fonte: https://fatoreal.com.br/

Sociedade

Projeto em Congonhas já deu destinação correta para quase 4.000 litros de óleo em 2022

A Secretaria Municipal de Educação de Congonhas, em parceria com a empresa de reciclagem Recomix, continua realizando o projeto: “Óleo do Bem”, dentro do programa de educação ambiental junto às escolas da rede pública municipal de ensino.

O projeto teve início em 2018, na Escola Municipal José Monteiro de Castro, sendo que o engajamento de alunos, professores e famílias garantiu o sucesso do mesmo, o que culminou na ampliação do mesmo para outras escolas da rede. Apesar da pandemia, o projeto foi adaptado e retomado em 2021 quando do retorno gradual às aulas presenciais nas escolas. 

Projeto já recolheu grande quantidade de óleo
Projeto já recolheu grande quantidade de óleo

Somente no primeiro semestre de 2022, foram recolhidos quase 4.000 litros de óleo nas escolas.

São 24 unidades escolares de Congonhas participantes da ação. Elas, por meio dos alunos, recolhem o óleo de cozinha utilizado pelas famílias e o armazena até que a empresa Recomix faça a coleta para destinação adequada do mesmo.

Como funciona o projeto

O projeto “Óleo do Bem” evita que o material seja descartado de forma incorreta podendo contaminar o solo e os rios. A Semed e escolas participantes promovem uma mobilização por meio de uma gincana entre as unidades escolares no primeiro e segundo semestres do ano. É neste período que o material é recolhido. Ao mesmo tempo, os professores trabalham nas salas de aula os assuntos relacionados ao tema, como: poluição das águas, descarte adequado de resíduos, as consequências quando o óleo é descartado diretamente no solo ou nos rios, dentre outros.

O projeto evita que o óleo contamine o meio ambiente
O projeto evita que o óleo contamine o meio ambiente

A turma que recolhe o maior volume de óleo para reciclagem ganha uma visita ao Parque Ecológico da Cachoeira de Congonhas, o que mobiliza cerca de 500 alunos, por gincana, nestes passeios. O recurso financeiro alcançado com o processo junto a Recomix retorna para a escola para ser reinvestido em benefícios aos alunos. Por meio de uma comissão interna na escola, com participação de alunos, ocorre avaliação das melhores estratégias para uso do recurso, que deve ser destinado em benefício exclusivo aos estudantes.

Quem quiser se engajar nesta campanha, basta entrar em contato com uma das escolas municipais participantes e deixar o óleo de cozinha para ser reciclado.

Fonte: https://fatoreal.com.br/

Cultura

Filarmônica de Minas Gerais fará concerto gratuito em Congonhas

A Filarmônica de Minas Gerais, uma das iniciativas culturais mais bem-sucedidas do país, dá início às suas turnês por Minas Gerais neste mês de julho, uma realização da Gerdau.

No dia 10, domingo, a Orquestra faz apresentação gratuita em Congonhas, em concerto que será realizadoàs16 horas, na Romaria, importante espaço turístico e religioso da cidade. Sob a batuta do maestro José Soares, Regente Associado da Filarmônica, a Orquestra leva um repertório totalmente brasileiro, destacando a variedade de estilos e as influências das nossas raízes na música orquestral feita no país, com obras de Alberto Nepomuceno, Eleazar de Carvalho, Francisco Mignone, Gilberto Mendes, Guerra-Peixe, Lorenzo Fernandez e Carlos Gomes.

Para José Soares, “as turnês estaduais da Orquestra reforçam nossa tradição de ampliar o acesso à música de concerto e conquistar novos públicos. É muito importante que um número cada vez maior de pessoas tenha a oportunidade de assistir à Orquestra”. Sobre o repertório, José Soares diz que “os mineiros e mineiras vão ficar encantados por ouvir obras de grande beleza e qualidade criadas por brasileiros”.

O projeto realizado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e uma realização do Instituto Cultural Filarmônica. O concerto conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Congonhas por meio da Secretaria de Cultura, Esporte, Lazer, Turismo e Eventos.

Serviço

Orquestra Filarmônica de Minas Gerais
Congonhas (MG)
10 de julho – 16h – Romaria
Concerto gratuito

Fonte: https://fatoreal.com.br/

Educação

IFMG começa a ofertar curso preparatório para exame de seleção

Será lançado nesta terça-feira, 7 de junho, às 19h, o novo curso “Pré-IFMG”, uma capacitação on-line e gratuita direcionadas a estudantes de escolas públicas e privadas que desejam fazer o Ensino Médio e o curso técnico no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG). 

O projeto é uma realização da Pró-reitoria de Extensão e fruto do Programa +IFMG, uma plataforma digital, cujo acesso é feito no endereço mais.ifmg.edu.br, onde dezenas de cursos de qualificação profissional são ofertados gratuitamente.

A criação do ‘Pré-IFMG’ e seu desenvolvimento visa atender alunos dos Ensinos Fundamental e Médio. Atualmente, são ofertados 76 cursos técnicos presenciais em 18 campi do IFMG, incluindo em cidades da região como Congonhas, Lafaiete, Ouro Branco e Ouro Preto.

Arte de divulgação do curso
Arte de divulgação do curso

A capacitação está em total sintonia com o conteúdo programático do exame de seleção, uma vez que os módulos foram desenvolvidos a partir de diretrizes da Pró-reitoria de Ensino. A carga horária é de 240 horas, distribuídas entre quatro áreas de conhecimento: Linguagens (72h), Matemática (72h), Ciências da Natureza (48h) e Ciências Humanas (48h). Cada área tem duração de até 12 semanas. Foram desenvolvidos e-books, vídeo aulas, simulados e atividades extras. Todos os vídeos estarão disponíveis com a tradução na Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Fonte: https://fatoreal.com.br/

Esporte

Congonhas sediará etapa microrregional dos Jogos Escolares de Minas Gerais

Congonhas irá sediar, a partir de segunda-feira (30/05), uma semana de disputas da etapa microrregional dos Jogos Escolares de Minas Gerais – JEMG 2022 – com a participação de 13 cidades que compõem a área administrativa da Superintendência Regional de Ensino de Conselheiro Lafaiete.

A cerimônia de abertura será às 8 horas, no ginásio poliesportivo central de Congonhas, no bairro Praia, e vai contar com as delegações de todas as cidades envolvidas.

Os jogos serão divididos em dois módulos com alunos entre 12 e 17 anos dos ensinos Fundamental II e Médio, dos sexos feminino e masculino. Eles serão disputados em quatro arenas da cidade: ginásio poliesportivo central (Bairro Praia), ginásio poliesportivo do bairro Nova Cidade, quadra poliesportiva do bairro Dom Oscar e ginásio poliesportivo do IFMG Congonhas. As modalidades são: basquetebol, voleibol, handebol e futsal nos esportes coletivos, além de xadrez, no individual. Os jogos acontecem de 30 de maio a 3 de junho, das 8 às 17 horas.

Os campeões das escolas que disputaram os Jogos Escolares do Município de Congonhas 2022 – JEMC – neste mês de maio serão os representantes de Congonhas no JEMG. As escolas campeãs nas modalidades disputadas foram: Escola Municipal Sr. Odorico Martinho da Silva, Escola Municipal Dom João Muniz, Escola Municipal João Narciso, IFMG Congonhas, Escola Estadual Lamartine de Freitas, Escola Estadual Feliciano Mendes, Escola Estadual Barão de Paraopeba, Colégio Nossa Senhora da Piedade e Colégio Arcebispo Dom Oscar de Oliveira.

Serão envolvidos cerca de 1.500 atletas das cidades de Congonhas, Conselheiro Lafaiete, Cristiano Otoni, Desterro de Entre Rios, Senhora de Oliveira, Itaverava, Rio Espera, Santana dos Montes, Jeceaba, Lamim, Queluzito, São Brás do Suaçuí e Entre Rios de Minas. A etapa microrregional do JEMG é seletiva para a próxima e mais ampla, que é a regional.

Fonte: https://fatoreal.com.br/

Cultura

Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura e J. Mendes apresentam: Cine Circo Teatro Itinerante Dedé Santana

Estreia dia 27 de maio em Congonhas – MG, com entrada franca

Ícone do humor, o nosso eterno trapalhão, Dedé Santana, está realizando um sonho: o projeto Cine Circo Teatro Itinerante Dedé Santana, que chega a Congonhas, Minas Gerais, dia 27 de maio, unindo três paixões do artista: o circo, o cinema e o teatro em um único lugar.

Essa foi a maneira que Dedé encontrou de agradecer ao seu público por tanto carinho recebido ao longo de seus 85 anos de carreira. O ator, diretor, roteirista e palhaço é filho de artistas circenses e nasceu num circo, onde começou a atuar aos 3 meses de idade, no colo da mãe. Seus pais, o palhaço Picolino, Oscar Santana, e a contorcionista Ondina Santana, eram donos do circo, com o qual viajou pelo Brasil durante a infância e a adolescência.

Nomeado embaixador do circo no Brasil, o comediante idealizou ao lado do ator e produtor, Fioravante Almeida, esse projeto que contempla:

O espetáculo de variação circense, dirigido pelo próprio Dedé, que apresenta números virtuosos – tanto aéreos quanto de solo e atrações cômicas de palhaços, trazendo ludicidade e alegria ao picadeiro;

A peça de teatro ‘Palhaços’, de Timochenko Wehbi, dirigida por Alexandre Borges e protagonizada por Dedé Santana e Fioravante Almeida. A tragicomédia narra a história de um palhaço que tem a sua rotina alterada ao se deparar com um espectador em seu camarim. O encontro entre Careta (Dedé) e Benvindo (Fioravante), um vendedor de sapatos, faz com que ambos questionem a vida. Alexandre Borges conta: “É um prazer enorme estar trabalhando com ele. O desempenho do Dedé como ator dramático é fantástico. Ele é um exemplo de profissionalismo e de amor à arte.”

A exibição dos filmes dos Trapalhões, ‘Os Trapalhões e o Mágico de Oroz’, ‘Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood’, ‘A princesa Xuxa e os Trapalhões’ e ‘Atrapalhando a Suate’, rememorando os anos dourados do cinema e a carreira do ator. A curadoria é assinada pelo diretor e roteirista, Victor Lustosa, que teve a difícil missão de selecioná-los entre os mais de 60 longas que a Renato Aragão Produções produziu. “Os projetos com a assinatura de ‘Os Trapalhões’ se mantiveram entre as mais bem-sucedidas experiências do cinema brasileiro”, conclui Victor.

Ficha Técnica:

  • Roteiro e Direção Geral: Dedé Santana
  • Cine Curador: Victor Lustosa
  • Circo Elenco:
  • Ana Carolina Nunes Gonçalves: apresentadora
  • Lindomar Simões: mágico e palhaço Fofoca
  • Ladimir Simões: equilibrista e palhaço Paçoquinha
  • Lalado Simões: malabarista e palhaço Docinho
  • Marcio Simões: palhaço Fofura
  • Sigrid Simões: bambolê e partner
  • Reginaldo Simões: Rola-Rola e Malabares
  • Iluminação e operação: Alexander Kairo Padilha
  • Coordenação de Montagem/ Capatazia: Douglas Buzatto Nogueira e Marcelo Alejandro Barreto
  • Direção técnica/ gerente: Marcelo Alejandro Barreto
  • Equipe de apoio:
  • Lourival Furtado de Souza
  • Gustavo Neves de Pádua
  • Luis Guilherme Fonseca Simões
  • Wanderson Maciel Gomes
  • Jonathan Souza dos Santos
  • Edilson Pereira da Silva Junior
  • Contrarregra: Wallace Luiz Lopes da Silva
  • Coordenador de elétrica: Madison José Felix Silva
  • Coordenação Geral: FLO Arts
  • Coordenador: Fioravante Almeida
  • Direção de Produção: Camila Bevilacqua
  • Produção Executiva: Giovanna De Donato
  • Produção: Marilus Batista de Jesus
  • Identidade Visual e Projeto Gráfico: Renato Alves
  • Conselheiro Artístico: Alexandre Borges
  • Relações Públicas/ Convidados: Liège Monteiro e Luiz Fernando Coutinho
  • Assessoria de Imprensa: Liège Monteiro e Luiz Fernando Coutinho
  • Assessoria Jurídica: Arthur Delgado
  • Mídias Sociais: Gabriel Bueno
  • Gestão administrativa: Priscila Pamela e Silva
  • Apresentado por: J. Mendes
  • Idealização e realização: FLO Arts

Teatro

  • ‘Palhaços’
  • Texto: Timochenco Wehbi
  • Direção: Alexandre Borges
  • Elenco: Dedé Santana e Fioravante Almeida
  • Cenografia: Marco Lima
  • Execução cenografia, adereços e pintura de arte: FCR Produções Artísticas
  • Coordenação cenotécnica: Luis Rossi
  • Adereços: Luis Rossi, Mario Campioli e Renato Lippi
  • Figurino: Fábio Namatame
  • Iluminação: Domingos Quintiliano
  • Trilha Sonora Original: Otto e Dipa
  • Preparação Vocal e Corporal: Madalena Bernardes
  • Coaching: Selma Kiss e Yasmim Sant’Anna
  • Fotos: Tatiana Coelho
  • Vídeo: Milena Correia – Rústica Produções
  • Operador de som: Giovanna De Donato
  • Operador de Luz: Alexander Kairo Padilha
  • Coordenação Geral: F L O Arts
  • Direção de Produção: Camila Bevilacqua
  • Produção Executiva: Giovanna De Donato

Serviço:

  • Cine Circo Teatro Itinerante Dedé Santana
  • Local: Praça de Eventos
  • Endereço: Entre as Av. Contorno Norte e Av. Michel Pereira de Souza, Campinho, Congonhas, MG
  • Datas: de 27 de maio a 5 de junho de 2022
  • Entrada gratuita
  • Ingressos serão disponibilizados no local 1h antes de cada apresentação
  • É necessária a apresentação do comprovante de vacinação para a Covid-19
  • O evento seguirá todos os protocolos e medidas de segurança orientados pela Organização Mundial da Saúde (OMS)
  • Necessário apresentação do comprovante de vacinação para a covid-19
  • Acessibilidade para portadores de deficiência
  • Nas apresentações do espetáculo ‘Palhaços’ haverá traduções simultâneas (fones de ouvido e intérprete de libras) para deficientes visuais e auditivos.
  • Capacidade de 480 lugares
  • Estacionamento para o público

Cronograma das apresentações:

  • 27 de maio, sexta-feira

Estreia

•20h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

  • 28 de maio, sábado

•15h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Teatro (espetáculo adulto): ‘Palhaços’

Texto: Timochenco Wehbi

Direção: Alexandre Borges

Elenco: Dedé Santana e Fioravante Almeida

Classificação: 10 anos

  • 29 de Maio (05)-domingo

•15h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Teatro (espetáculo adulto): ‘Palhaços’

Texto: Timochenco Wehbi

Direção: Alexandre Borges

Elenco: Dedé Santana e Fioravante Almeida

Classificação: 10 anos

  • 30 de maio, segunda-feira

•10h às 17h – Workshop (Bate papo – escolas)

•18h – Sessão Cinema: ‘Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood’ – Classificação Livre

•20h – Sessão Cinema: ‘Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood’ – Classificação Livre

  • 31 de maio, terça-feira

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Cinema: ‘A princesa Xuxa e os Trapalhões’ – Classificação Livre

  • 01 de junho, quarta-feira

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Cinema: ‘O Mágico de Oroz’ – Classificação Livre

  • 02 de junho, quinta-feira

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Cinema: ‘Atrapalhando a Suate’ – Classificação Livre

  • 03 de junho, sexta-feira

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

  • 04 de junho, sábado

•15h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•18h – Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•20h – Sessão Cinema: ‘Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood’ – Classificação Livre

  • 05 de junho, domingo

•15h- Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

•18h- Sessão Circo: Variedades Circenses – Classificação Livre

Fonte: https://www.foconanoticia.com.br/

Cultura

Em comemoração aos 20 anos, Pedro Cordeiro realiza o projeto “Trem na Praça”
Trem de Histórias

A Praça da Matriz, em Congonhas, recebe neste sábado, dia 28, às 15h, a primeira viagem do Projeto Trem na Praça, do grupo de contadores Trem de Histórias. Este ano, o grupo conduzido por Pedro Cordeiro, está comemorando 20 anos. 

Trem de Histórias

Esta é a primeira viagem do projeto financiado pelo Instituto Profarte, por meio da Lei Aldir Blanc da Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais. As demais apresentações acontecem nos dias 25 de junho, às 10h, na Praça Dom Oscar, 31 de julho, às 11h, na Praça da Basílica e 14 de agosto, às 9h, no distrito do Alto Maranhão.

O Trem de Histórias resgata causos e contos da narrativa popular e da literatura brasileira desde 2001, quando foi lançado como programa de rádio. Desde então, sendo sozinho, em dupla com o artista Didi Moura, ou em grupo com uma série de artistas de Congonhas e região, Pedro Cordeiro, idealizador do projeto, segue mantendo o projeto nos trilhos. Para esta primeira viagem, os artistas convidados serão Didi Moura, Dirce Elaine e Regina Bahia.

As comemorações pelos 20 anos de existência do projeto, que deveriam ter sido realizadas no último ano, foram realocadas para 2022 devido a pandemia. Além da realização do Projeto Trem na Praça, Pedro Cordeiro reuniu as memórias desses 20 anos no Trem em uma revista comemorativa que foi lançada no início deste ano. 

Todas as apresentações têm classificação livre e são gratuitas.

Link para acessar a revista: https://issuu.com/rodrigofernandes44/docs/th_miolo_03
Fonte: Janice Miranda

Sociedade

Sala Mineira do Empreendedor oferece serviços gratuitos em Jeceaba, Ouro Preto e Congonhas

Iniciativa fomenta o ambiente de negócios da região por meio da orientação aos empreendedores.

Jeceaba é o mais novo município a receber os serviços da Sala Mineira do Empreendedor. Inaugurado no dia 10 de maio, o espaço é resultado da parceria entre Sebrae Minas, Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (Jucemg) e Prefeitura de Jeceaba, e fica localizado no prédio da administração municipal (Praça Dagmar Souza Lobo S/N). Os atendimentos presenciais ocorrem de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. Mais informações pelo telefone (31) 9 8378-4184. 

A Sala Mineira do Empreendedor disponibiliza diversos serviços gratuitos, como formalização do microempreendedor individual (MEI), Declaração Anual do Simples Nacional, orientações prévias sobre processo de registro e cadastro de fornecedor da prefeitura, mapa de oportunidades para o empreendedor, programação de capacitações gerenciais, entre outros. 

O assistente do Sebrae Minas Raphael Oliveira enfatiza que a chegada da Sala Mineira vai estimular a competitividade e promover o desenvolvimento sustentável das empresas da região. “Nos últimos anos, Jeceaba tem apresentado um constante desenvolvimento econômico. A SME vem para facilitar o dia a dia dos empreendedores, oferecendo informações e serviços em um único espaço, reduzindo a burocracia para a abertura e gestão dos pequenos negócios.” 

Cachoeira do Campo 

No distrito de Ouro Preto, os empreendedores contam com mais um ponto de atendimento por meio da Rede de Atendimento Aqui Tem Sebrae e em parceria com a Associação Comercial de Ouro Preto(Aceop) – Unidade Cachoeira do Campo, inaugurada no início do mês. A unidade fica localizada na Rodovia dos Inconfidentes, km 76, S/N, ao lado do Posto Pedrosa, e realiza atendimentos de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. 

No dia 24 de maio, será oferecida a palestra “Assuma as finanças do seu negócio” no restaurante Bandeirantes Grill. A ação é gratuita e as inscrições devem ser feitas no site da Sympla. Já no dia 13 de junho, a Sala promove a palestra “Como produzir posts para Instagram e WhatsApp”, desta vez na Unidade ACEOP Matriz, Rua São José, 132, Centro de Ouro Preto. Mais informações no site da Sympla. 

Congonhas 

E a Sala Mineira de Congonhas vai orientar os empreendedores sobre a entrega da Declaração Anual de Faturamento do Simples Nacional (DASN-SIMEI). Os atendimentos vão esclarecer as principais dúvidas sobre a prestação de contas, que reúne os valores de todas as vendas feitas pela empresa ao longo do ano anterior. O prazo para realizar a DASN é até 30 de junho. A Sala Mineira do Empreendedor de Congonhas funciona no Edifício JK, no Centro, das 8h às 13h. Mais informações pelo (31) 3732-2671.  

Fonte: https://www.foconanoticia.com.br/

Gastronomia

Festival da Quitanda volta a acontecer em Congonhas

Uma tradição de Congonhas volta nesta semana: nesta sexta-feira (13/05), no sábado (14) e no domingo (15) o município irá sediar a 20ª  edição do Festival da Quitanda. O evento estava suspenso há dois anos por causa da pandemia. A expectativa dos organizadores é receber um grande número de pessoas para apreciar os deliciosos quitutes locais.

A festa que reunirá arte, cultura e gastronomia terá um cenário típico, com cozinha, forno de barro, fogão. A montagem dos cenários é feita pelos servidores públicos da Secult, Mauro Afonso Barbosa Moreira (Maurinho) e Edvaldo Gomes Pereira que trabalham intensamente para preservar a tradição. “Tudo é feito com muita dedicação e carinho para que as pessoas que vierem ao Festival da Quitanda possam conhecer um pouco do trabalho de uma quitandeira. Nós estamos montando uma cozinha típica, com forno, fogão, pia e local para que se possa manusear os produtos que serão utilizados”, relata Maurinho.

Barraca abrigará o cubú
Barraca do cubú. Foto/Divulgação

Nesta barraca estilizada ficará uma das quitandas mais tradicionais da cidade, o cubú. Este é um tipo de bolo de fubá, coalhada com erva doce, enrolado em uma folha de bananeira e assado no forno de barro. Toda estrutura está praticamente pronta, além das 48 barracas que irão compor o festival. 

Shows

Além das quitandas, na sexta-feira (13), à partir das 20hs, terá festival de caldos e violas e show com Falabellas e às 22h show com Alan e Alex.

No sábado (14), a partir das 20h, show com Carpiah e às 22h com Lô Borges. 

Já no domingo (15) o Festival da Quitanda inicia às 09h com vários quitutes. Às 12h inicia a programação musical com Viola ao Vento, às 14h30 Chico Lobo e fechando o festival, às 17h, show com Saulo Laranjeira.

Fonte: https://fatoreal.com.br/ ; https://www.minasgerais.com.br/