Tag Archives: franquias

Economia

Em Minas Gerais, franquias de Saúde, Beleza e Bem-Estar crescem 29,7% no 1º trimestre de 2021

Segmento se beneficia do momento em que muitos aproveitam a quarentena para realizar procedimentos mais invasivos

A Pesquisa de Desempenho do setor de franquias no primeiro trimestre de 2021 realizada pela ABF – Associação Brasileira de Franchising revela que o setor continua buscando alternativas para minimizar os impactos da pandemia e voltar a crescer.

Mas mesmo com todas as dificuldades, o estudo aponta que um dos segmentos que mais chamou a atenção foi o de Saúde, Beleza e Bem-Estar por apresentar um bom desempenho no faturamento. Segundo a entidade, o segmento registrou desempenho positivo de crescimento em todo o País de 12,7% e de 3,6% em número de unidades no 1º tri de 2021.

No estado de Minas Gerais, o segmento apresentou um crescimento bem acima da média nacional com um incremento de 29,7%, 17% maior que a média nacional, atingindo cerca de R$ 800 milhões. Em número de unidades, expandiu 3,8% com 2.376 unidades.

Segundo a Diretora regional da ABF em Minas, Danyelle Van Straten, o segmento de Saúde, Beleza e Bem-Estar foi beneficiado pela mudança de comportamento das pessoas. “O desejo de estar bem consigo cresceu e Minas está ainda mais vaidoso. Além da demanda reprimida, houve uma aceleração digital, que levou muitas marcas ao e-commerce. No período de pandemia, enquanto as empresas não podiam funcionar, a estratégia foi vender serviços com descontos. Essa ação, não só ajudou a manter as contas em dia como também, com a reabertura, garantiu fluxo de pessoas nas lojas e mais oportunidades de vendas”, afirmou.

A prestação de serviço voltada para a Beleza está mais em alta que nunca, se sentir bem depois de tantos acontecimentos ruins, é se sentir vivo, acrescenta Danyelle. O estado ainda traz uma característica interessante no movimento de interiorização com 853 municípios sedentos por negócios bem estruturados. Os novos modelos de negócios mais acessíveis estão seduzindo muitos empreendedores a migrar para o franchising. Em tempos de tantas mudanças, fazer parte de uma rede é um grande diferencial, é a força do grande agindo localmente.

Confira abaixo redes que mesmo com restrições da pandemia, inovaram e conseguiram expandir suas operações no Estado.

Oral Sin

Mesmo com a pandemia, a Oral Sin é líder no segmento de implantes dentários no Brasil, bateu recordes de performance e cresceu 26%, com mais de 350 unidades comercializadas, sendo 29 unidades em Minas. O crescimento desse nesse período se deve principalmente ao suporte da franqueadora. A Oral Sin aproveitou o momento para buscar novas ferramentas on line e atender melhor seus parceiros e os clientes. A rede intensificou o uso de Chatbout, através da plataforma Cloudia onde o robô complementa esse atendimento nas situações em que não é possível oferecer o atendimento humano, como fora de horário comercial e nos fins de semana.

Além disso houve um trabalho de tele orientação com o cliente e futuro paciente, com o esclarecimento de dúvidas sobre saúde bucal, sobre as idas as clínicas, cuidados pré e pós cirúrgicos. Foram feitas cartilhas, vídeos ilustrativos para esclarecer a população sobre os cuidados. Foram feitos inúmeras lives com dentistas explicando a importância da mastigação entre outros assuntos relacionados a saúde bucal.

Royal Face

A rede Royal Face, pioneira em harmonização facial, está investindo forte com o diferencial de oferecer condições facilitadas de pagamento, democratizando o acesso de todos com um atendimento de qualidade, eficiente e humanizado com o Carnê da Beleza. A Royal Face já realizou mais de 155 mil procedimentos, beneficiando mais de 100 mil clientes. Atualmente, a marca está presente em 15 estados com mais de 100 unidades inauguradas e com outras 130 em fase de implantação, com operações em todas as regiões do Brasil. Em Minas, a rede possui 20 unidades.

O crescimento nesse período se deve principalmente ao suporte da franqueadora. A Royal Face aproveitou o momento para buscar novas ferramentas on line e atender melhor seus parceiros e os clientes. Triplicaram a quantidade de conteúdo da plataforma EAD e ofereceram todo o suporte aos franqueados ajudando-os na melhora dos resultados. “Acompanhamos diariamente os resultados das nossas franquias, ajudando-os a traçar planos de ação para que saiam vencedores da pandemia. Entendemos que o atual momento deve ser visto como uma oportunidade aos nossos interessados para realizar um investimento em um negócio de sucesso como a Royal Face”, destacou Mauri Torres, diretor de expansão da marca.

Informações a imprensa
DFREIRE Comunicação e Negócios
Tel.:(11) 5105-7171 – www.dfreire.com.br
Fabíola França (RJ) – fabiola@dfreire.com.br – (21)9.9899-1400
Debora Freire – debora@dfreire.com.br – (11)9.9976-1165

Economia

Investir em franquias se torna uma alternativa lucrativa em Minas Gerais

Abrir o próprio negócio com o respaldo de uma marca de peso passa a ser uma excelente opção para pessoas que buscam estabilidade financeira. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o mercado mineiro de franquias expandiu 23% em número de redes no primeiro trimestre de 2019

Com a crise econômica que assola todo o Brasil, conseguir uma recolocação no mercado de trabalho pode ser uma tarefa difícil. Essa triste realidade se evidencia em números: segundo um levantamento realizado pelo IBGE, o desemprego já atinge 13 milhões de brasileiros. Dessas pessoas, cerca de 4,7 milhões não sentem mais esperança de conseguir um trabalho. Nesse cenário, oempreendedorismo pode ser uma alternativa para se virar o jogo.

Entretanto, abrir e administrar o próprio negócio pode trazer dor de cabeça, pois não é fácil começar do zero. Por isso, muitos especialistas acreditam na eficácia do modelo de franquias. Segundo o balanço da Associação Brasileira de Franchising – ABF, o mercado de franquias em Minas Gerais expandiu 23% em número de redes no primeiro trimestre de 2019 em comparação com o mesmo período do ano passado, atingindo o patamar de 568 marcas em operação em todo o estado.

As operações de franchising em Minas faturaram R$3,1 bilhões, o que representa um crescimento de 7,5% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já em número de unidades, o mercado mineiro expandiu 13%, com 7365 operações.

Seguindo essa tendência, marcas de peso estão se expandindo para Minas Gerais. É o caso da Dadalto Casa, tradicional empresa capixaba com mais de 80 anos de atuação, na comercialização de produtos para o lar. Bastante conhecida dos mineiros, contou com lojas no Estado por 15 anos, até passar por uma reestruturação e aderir ao modelo de franquias. “Trazemos uma proposta totalmente nova, pensando, principalmente, em oferecer facilitadores para o empreendedor”, revela Willians Quilles, gerente comercial da Dadalto Casa.

Em um ano e meio, a empresa, já dento de sua nova proposta, já abriu 16 lojas no estado do Espírito Santo. “Como nos preocupamos em oferecer aos nossos franqueados uma estrutura completa, com acesso a fornecedores nacionais, produtos  de primeira qualidade, a meta é chegarmos a 50 unidades em três anos”, completa Quilles.

—