Tag Archives: festas

Cultura

Gruta lança mais quatro meses de programação online, com peças de teatro, festas e bate-papos

Com agenda virtual, de novembro a fevereiro, espaço icônico da cena cultural independente de BH apresenta peças teatrais, discotecagens com transmissões ao vivo e lives com Marcelo Veronez e Wanira Vampira; programação começou nesta sexta-feira (5), com espetáculo da Toda Deseo

Marcelo Veronez TV Verô – Foto Wanira Vampira

Enquanto espera retomar as atividades com presença de público em segurança, a Gruta, icônico espaço cultural de Belo Horizonte situado na rua Pitangui, no bairro Horto, continua a apresentar, até o mês de fevereiro, uma intensa programação online. Desta vez, as atrações orbitam principalmente em torno do teatro, com vários trabalhos produzidos durante a pandemia, e que fazem fazem jus ao perfil multifacetado da da casa cultural, ao abarcar uma confluência de linguagens artísticas que envolvem música, performance, cinema, dança e um toque sadio de loucura arrojada.

Em um formato de “noites sentadas”, mas impreterivelmente agitadas, como manda a cartilha de comportamento da Gruta, a programação apresenta espetáculos de teatro formatados no período de isolamento, no qual artistas e públicos precisaram se manter afastados fisicamente, devido às restrições da pandemia da covid-19.  “É uma programação bem focada em projetos que produzimos durante a pandemia e com um direcionamento bem específico para o teatro. Afinal, a Gruta é uma casa que abraça o teatro, que tem a intenção de fortalecer esse laço e se transformar em teatro futuramente”, adianta uma das gestoras do espaço, a artista Juliana Abreu.

Quem abriu a programação na sexta-feira, dia 5 de novembro, é a Cia. Toda Deseo, conhecida por abordar questões de gênero e de sexualidade a partir de reflexões potentes e didáticas. Na montagem “Quem é você?”, direcionada para todas as idades, mas sobretudo para as crianças e jovens, a companhia foi aclamada por relatar a passagem da infância para a adolescência de maneira lúdica, com influências de suspense e mistério, tendo sido apresentada para alunos de escolas públicas da capital mineira, por meio de projeto aprovado no Fundo Municipal de Cultura da Prefeitura de Belo Horizonte. A montagem, com direção de Mariana Lima Muniz e dramaturgia de Raysner de Paula, foi adaptada para o formato virtual para contar a história de Biba, personagem que vive em um armário aos cuidados de uma aranha gigante, até decidir aventurar-se pelo mundo.

A Toda Deseo ainda apresenta dois espetáculos solo, ambos produzidos durante a pandemia, sob direção de Rafael Bacelar. O primeiro deles, “Tóxica”, interpretado e escrito pelo ator Ronny Stevens, pretende abandonar o binarismo rígido entre ficção e fato, ao refletir sobre a formação de personalidades e suas múltiplas potencialidades diante de uma sociedade doente e preconceituosa. Todo o monólogo gira em torno dessa crítica, a partir da premissa de que “a autobiografia não é a relação existente entre os acontecimentos de uma vida e sua representação, mas um pacto, implícito ou explícito, entre o ator e o público”, como diz parte do impactante texto interpretado por Stevens.

Ju Abreu Conselheira – Foto Lina Mintz

A segunda peça, “Conselheira”, é idealizada e conduzida pela atriz Juliana Abreu, baseada na rotina de criação do próprio filho, em um relato biográfico e, de certa forma, inconformado com os padrões reducionistas impostos pela sociedade às mulheres, a partir de rótulos taxativos e genéricos sobre a maternidade. A partir desse panorama, o espetáculo rompe com a imagem universal das mães e tenta compreender o processo de tornar-se mãe em suas múltiplas dimensões sociais, psicológicas e políticas, mas levando em conta as diferentes trajetórias e peculiaridades sobre ser mulher.

Outro destaque cênico protagonizado por mulheres é a montagem “Malditas Cancioneiras”, na qual Juliana Abreu realiza uma dobradinha com a atriz e pesquisadora Idyla Silmarovi, sob a direção de Marcelo Veronez. A peça narra a trajetória das Gemeazicas Paraguaias, em uma alusão a uma dupla de mulheres mortas na fogueira por padres medievais, mas que retornam na modernidade do século XXI com propósito de vingança. A partir dessa tônica, Idyla e Juliana dominam o palco abusando de elementos do terror trash ao melhor estilo Zé do Caixão, munidas de canções ácidas e irônicas, com críticas aos machismos estruturais e às subjugações da mulher na sociedade contemporânea. 

Malditas Cancioneiras – Foto Marcelo Veronez

No terreno dos bate-papos, aproveitando o boom das lives durante a pandemia, Marcelo Veronez apresenta o Especial de Natal da TV Verô, projeto de entrevistas conduzido pelo cantor, compositor, ator e diretor mineiro desde o início da pandemia e do processo de isolamento social, em março de 2020. Em formato de conversas descontraídas, Veronez destrincha uma série de ideias, conceitos e muitas informações históricas sobre música e teatro, recebendo artistas mineiros para debater sobre suas trajetórias, influências e perspectivas, agora diante de um cenário no qual a cultura começa a sonhar novamente, após um longo período de projetos engavetados e atividades paralisadas. O projeto foi apresentado de forma ousada, com programação de 24h ininterrupta, durante a Virada Cultural de Belo Horizonte em 2021, com programação inteiramente virtual.

Ainda na seara das conversas e entrevistas, a Wanira Vampira, alter ego do artista cênico e performer Wagner Alves, segue conduzindo bate-papos sobre curiosidades e contextos dos gêneros do cinema de terror. Os encontros da Agenda Trevosa, realizada no consagrado formato de boteco alucinado e sem lei, marca registrada dos eventos memoráveis na Gruta, serão transmitidos ao vivo semanalmente, até fevereiro.

Festas com DJ’s

Mantendo a tradição das festas com discotecagens, a Gruta também apresenta uma sequência de noites inspiradas, para dançar em casa, com transmissões ao vivo de todas as baladas que reúnem o melhor da música quente globalizada, do carimbó chamegado paraense de Dona Onete ao pop performático de Lady Gaga. Quem abre os trabalhos no dia 26/11 é a DJ Perdida, com apresentações posteriores de DJ Prima, DJ Confusa, DJ Rock Nelson e DJ Firmina.

Sobre a Gruta

Localizada na Rua Pitangui, ao lado do Galpão Cine Horto, Zona Leste da capital mineira, a Gruta é um espaço cultural independente que funciona, desde 2001, como ponto de convergência entre artistas de diferentes linguagens da cidade. O lugar surgiu como local de ensaios de grupos teatrais e, ao longo dos anos, se reconfigurou por diversas vezes, assumindo também o caráter de casa para pequenos shows e espetáculos, e espaço de festas.

Autogestionado, se mantém como uma referência fundamental para a promoção da experimentação artística e de um espaço livre e diverso, que acolhe criações e debates que incluem as pautas feminista, LGBTQI+ e antirracista, entre outras. Foi administrado de forma aguerrida durante muitos anos por Joyce Malta e Admar Fernandes e, atualmente, é gerido por Marcelo Veronez, Wanira (Wagner Alves), Juliana Abreu e Akner Gustavson (Toda Deseo).

PROGRAMAÇÃO GRUTA ONLINE – 2ª PARTE Quando. De 5 de novembro a 21 de dezembro
Onde. Instagram | Facebook | YouTube
Quanto. Programação gratuita* Apresentações, espetáculos e discotecagens *05/11  Quem é você? Toda Deseo

12/11  Cabaré das Primas Toda Deseo

19/11  Malditas Cancioneiras Juliana Abreu e Idyla Silmarovi

26/11  DJ Perdida

03/12  Tóxica Solo de Ronny Stevens

10/12  DJ Prima

17/12  TV Verô, Especial de Natal com Marcelo Veronez 

14/01  DJ Confusa

21/01  Conselheira Solo de Juliana Abreu

28/01  DJ Rock Nelson

04/02  Dublagem de Balcão Wanira Vampira e Daniele Sendin

11/02  DJ Firmina

* Agenda Trevosa da Wanira Vampira: Slashers de Terror *

08/11 Cinema Selvagem (Saulo Salomão)

15/11 Terror Tupiniquim — Zé do Caixão e influências

22/11 Terror com Tudo e Mais um Pouco (Juliana Valente)

29/11 Atura ou Surta, a tendência do terror psicológico

06/12 Arroz, Feijão e Diazepam com Fritas (Danielle Sendin)

13/12 Aliens, O Mistério Está lá Fora, parte 2

17/01 Alô Varginha, parte 2 (Tamira Mantovani)

24/01 O Além Túmulo, sobre o terror sobrenatural

07/02 Mande Notícias do Mundo de Lá (Romênia Reis)

14/02 Do Luxo ao Trash

21/02 Trash Divo (Christian Bravo)

Cultura

Barbacena recebe Convenção de Malabarismo e Circo

A convenção que chega à sua 17ª edição acontecerá entre os dias 27 a 31 de janeiro dentro das mediações do IF Sudeste, Campus Barbacena.

Barbacena será sede da 17ª Convenção Brasileira de Malabarismo e Circo entre os dias 27 a 31 de janeiro. Serão cinco dias de atividades com oficinas, espetáculos, noites de variedades, festas, cortejo, palco aberto, competições freestyles bate-papos e treino livre. As atividades serão divididas entre o campus do IF Sudeste, o centro e periferia da cidade.
Pela primeira vez o projeto é organizado por um coletivo nacional através da Associação Brasileira de Malabarismo e Circo, a ABRAMALA. Fundada na última edição do evento, a Associação tem a proposta de convergir esforços e pessoas do movimento que se organiza há anos.
A convenção acontecerá dentro das imediações do IF Sudeste de Minas, Campus Barbacena, em parceria com o projeto de extensão orientado pela mestre e professora Flaviana Toledo, denominado “ Atividades Circenses: Pedagogia Corporal e Estética”.
São esperados cerca de 500 artistas circenses e praticantes na Cidade Convenção durante os dias do evento.
Na quarta-feira, 27, a peça Cabaret do Brejo será apresentada às 18h na praça da Rua Bahia. As atividades do dia seguem com outras três apresentações na Lona, no Campus.

Na quinta-feira, 28, estão programadas palestras, bate papos e apresentações, com destaque para as apresentações Trio remexido, na praça dos Andradas, às 16h e o Espetáculo Circo do Asfalto, na praça de Pinheiro Grosso, às 18h.
Na sexta-feira, 29, além das atividades previstas na lona e no ginásio poliesportivo do IF Sudeste, a praça dos Andradas recebe, às 16h, a apresentação Circasais, com as companhias Cia da Sorte, Circo do Asfalto e Caravana Tapioca.
O destaque do fim de semana fica por conta das competições na Praça do Globo, a partir das 10h, seguido de cortejo às 11h. Confira a programação completa e acesse mais informações através do site www.cbmcirco.com.

Texto: Flavia Siqueira