Tag Archives: feira de ceramica

Cultura

Feira de Cerâmica MG vai até sábado (18), com bate-papo e venda de peças exclusivas

Com obras de 56 artistas em catálogo online, programação de encerramento do evento terá bate-papo com o ceramista Rodrigo Núñez, na sexta-feira

Feira de Cerâmica MG – Foto Naty Torres

A partir da conexão entre belezas distintas, estreitando as relações do fazer artístico da China até o Vale do Jequitinhonha, a Feira de Cerâmica de Minas Gerais dá sequência à sua segunda edição online, que começou em novembro e vai até este sábado, dia 18 de dezembro. A programação de encerramento traz o último bate-papo desta edição, com o ceramista, desenhista e professor Rodrigo Núñez, bacharel e mestre em Poéticas Visuais pelo Instituto de Artes da UFRGS, instituição na qual é professor de Cerâmica desde 1996. Durante a live, que acontece no dia 17 de dezembro, sexta-feira, às 20h, no Instagram da Feira de Cerâmica, o artista conversa sobre os “Caminhos de um processo de criação: a construção de uma poética visual”. Durante o evento, seguem à venda o catálogo virtual de peças exclusivas de 56 ceramistas brasileiros, que vão de artefatos artísticos a utilitários. 

Idealizada pela ceramista Erli Fantini, a Feira de Cerâmica MG tem como objetivo mostrar as várias ramificações desta arte milenar, bem como fomentar sua produção. Nesta edição, as oficinas apresentaram diversos processos de manipulação da argila, desde aulas para crianças, até cursos destinados para a construção de instrumentos musicais e sobre os processos químicos da argila. Pela segunda vez em formato virtual, devido às restrições sanitárias da pandemia da Covid-19, a Feira de Cerâmica MG acontece desde 1999, tendo ocupado nos últimos anos o emblemático Mercado Central de Belo Horizonte como ponto de encontro para ceramistas e o público interessado. Desta vez, a curadoria da edição virtual é assinada por Regiane Espírito Santo e Sebastião Pimenta, dois conceituados artistas plásticos e ceramistas mineiros, com forte influência oriental, tendo realizado trabalhos no Japão e na China — berços da cerâmica no mundo inteiro. 

“Eu e o Sebastião Pimenta solidificamos nossa amizade na minha primeira residência artística na China em 2008, que é um dos berços da cerâmica, então, é uma feliz coincidência esses convidados com raízes orientais, que têm tanta influência no Brasil”, diz Regiane. Neste ano, a tônica do evento é ampliar o olhar sobre a manipulação da cerâmica, para além dos utilitários e das importantes tradições, tendo a presença centenas de trabalhos, desde pratos, vasos, quadros e esculturas, até instrumentos musicais, colares, anéis, pulseiras e quais acessórios mais a imaginação permitir.

Destaques do festival

Feira de Cerâmica MG 2 – Foto Naty Torres

Até aqui, o festival já promoveu bate-papo com artistas plásticos e ceramistas tidos como referência na área. É o caso de Maria Cheung, artista plástica e ceramista brasileira, que falou de sua trajetória no mundo das artes do fogo, fortemente inspirada pelo resgate de sua origem asiática. Em seu processo criativo, ela expressa elementos da simbologia da cultura chinesa de forma contemporânea. Já Sonia Bogaz contou sobre o início de sua carreira nas artes e como a cerâmica japonesa influenciou sua caminhada de busca pela essência do belo, seguindo o conceito do “Wabi Sabi”.

Jovem ceramista que tem se destacado no meio, Leandro Kanagusuku abordou suas pesquisas na cerâmica contemporânea ocidental e a busca pelas tradições e técnicas milenares coreanas e japonesas em seu trabalho. Referência no uso do torno e de outras técnicas, César Augusto Barbosa contou sobre como uniu a comunidade de ceramistas brasileiros através do uso das mídias sociais desde o início da pandemia, influenciando o mercado a adentrar no mundo digital e a minimizar os impactos causados pelo distanciamento social. O evento contou, ainda, com a oficina de cerâmica para iniciantes, ministrada pela ceramista Emanuelle Tolentino, no início de dezembro.   

Os vídeos de todos os bate-papos estão no site  no site do evento (www.feiradeceramicamg.com.br), onde também os trabalhos dos artistas estão disponíveis para venda. “A cada edição, temos mais variações de arte a partir do barro. E isso é fantástico de ver! Nesta segunda edição virtual, estamos mantendo o catálogo online das obras, com a possibilidade de o público interagir com os ceramistas, podendo adquirir diferentes obras dos ateliês dos artistas”, finaliza Regiane.

Serviço: Feira de Cerâmica MG – 2ª edição virtual
Quando. Até 18 de dezembro
Inscrições e catálogo de obras: www.feiradeceramicamg.com.br