Tag Archives: capital mineira da sela

Cidades

A Arte da Selaria em Dores de Campos Minas Gerais!

Cerca de 150 anos atrás, os tropeiros que viviam em Minas Gerais em busca de maior conforto em suas viagens pelo estado, começaram a fazer arreios, selas, para montar o animal antes de seguir para longas viagens.

O ofício foi se profissionalizando com o passar dos anos e hoje é a maior fonte de renda do município mineiro, que leva sempre um toque de arte tornando cada peça única. Cerca de 85% da população de Dores de Campos vive da confecção de artigos de montaria e trabalho do couro.

No município há aproximadamente 80 selarias, algumas formais com CNPJ, outras em casa, que em sua maioria contam com a mão de obra de toda a família, que desde cedo aprende logo a arte que envolve a selaria.

Por vários anos, é pólo de produção de artigos em couros como: roupas, calçados e principalmente selas, conhecida oficialmente desde 12/12/2017  como “Capital Mineira da Sela”. A cidade ganhou esse título oficial através da Assembléia Legislativa de Minas no ano de 2017, por meio do PL 2.951/2015 de autoria do Ex- Deputado Estadual João Alberto, que concede o título à cidade.

Após reforçar ainda mais sua arte e vocação nos artigos em couro, Dores de Campos é uma cidade que recebe visitantes durante o ano todo, tendo a arte da selaria como seu principal atrativo turístico. Com a criação da Feira do Artesanato e Indústria de Dores de Campos – FAIDEC, os produtos artesanais em couro da cidade passaram a ter maior divulgação, impulsionando a economia local, fortalecendo a exportação dos artigos em couro.

Se você busca qualidade, uma sela bem bonita, roupas ou calçados, precisa conhecer Dores de Campos, a Capital Mineira da Sela, que também é referencia nacional e até mundial na produção artesanal de couro de alta qualidade. Nosso estado é extremamente diverso e não faltam opções para se conhecer, desse modo fortalecemos nossa economia regional e promovemos as belezas de Minas para o mundo!

Praça José Justino, em Dores de Campos – MG
Fonte: http://www.minasgerais.com.br/pt/apoio/dores-de-campos/praca-jose-justino