ORQUESTRA OURO PRETO APRESENTA “LATINIDADE” NA SÉRIE DOMINGOS CLÁSSICOS DO SESC PALLADIUM

Concerto terá formato híbrido, aberto ao público e transmitido ao vivo pelo YouTube, no dia 13 de dezembro

Concerto terá formato híbrido, aberto ao público e transmitido ao vivo pelo YouTube, no dia 13 de dezembro

No ano em que comemora 20 anos de atividades ininterruptas, a Orquestra Ouro Preto está de volta ao palco do Sesc Palladium, em Belo Horizonte-MG, dia 13 de dezembro, às 11h, com “Latinidade”, concerto que resgata o início da trajetória do grupo. Ao lado do solista convidado e fundador da Orquestra, o bandoneonista argentino Rufo Herrera, o concerto integra a Série Domingos Clássicos e terá formato híbrido, transmitido ao vivo pelo canal do YouTube e presença reduzida do público. O concerto estava agendado para março, mas foi adiado em função da pandemia.

Sob a regência do Maestro Rodrigo Toffolo, o repertório traz dois discos: “Latinidade”, de 2007, indicado ao Grammy Latino de melhor disco instrumental daquele ano; e “Latinidade: Música para as Américas”, de 2016, também registrado em DVD e finalista do 28º Prêmio da Música Brasileira na categoria álbum erudito. “Encerramos a Série Domingos Clássicos de 2020 com um dos principais pilares de atuação da Orquestra, que remontam ao início da nossa trajetória, o “Latinidade”. O repertório é marcado pela diversidade da cultura das Américas e apresenta peças de grandes nomes da música brasileira e porteña como Piazzola, Capiba, Ernani Aguiar, Villodo dentre outros”, ressalta Rodrigo Toffolo.

Das milongas, do tango às meditações, passando por composições minimalistas assinados por Herrera, o concerto celebra a latinidade da obra do artista. Rufo Herrera possui uma larga trajetória de experimentação, pesquisa e criação musical no contexto latino-americano, percorrendo diversos países e atuando nos principais centros das Américas.

 SÉRIE DOMINGOS CLÁSSICOS

Com a liberação de uso de teatros e casas de shows, o Sesc Palladium reabre suas portas para que o público possa conferir de perto os concertos. Para isso, o Grande Teatro terá sua capacidade limitada e os assentos serão demarcados para a comodidade e segurança de quem for acompanhar o concerto presencialmente, além de uma série de outras medidas de higiene.

 A ‘Série Domingos Clássicos’ tem como objetivo democratizar o acesso à música e é uma realização do Sesc em Minas, em parceria com a Orquestra Ouro Preto. Os concertos seguem todas as normas de saúde e segurança para levar ao público uma programação pautada na excelência e versatilidade, proporcionando novas oportunidades de interação com concertos presenciais e transmitidos pelo YouTube. Os ingressos estão à venda na bilheteria do Teatro e pelo site e aplicativo Sympla.

E quem estiver assistindo ao concerto de casa poderá ajudar as famílias mais necessitadas. Será disponibilizado durante a transmissão, o QR Code para doação para o projeto Mesa Brasil Sesc. Para participar é necessário abrir a câmera do celular ou tablet em direção ao código que aparecer no visor da televisão ou computador. Em sequência, o internauta será encaminhado para o portal do Mesa Brasil, no qual poderá realizar, de forma rápida e segura, a doação de qualquer valor em solidariedade às famílias assistidas pelo projeto e que passam fome.

SERVIÇO

Domingos Clássicos: Orquestra Ouro Preto – Latinidade

Data: 13 de dezembro, domingo, às 11h

Local: Grande Teatro do Sesc Palladium (R. Rio de Janeiro, 1046, Centro – Belo Horizonte/MG).

Ingressos: À venda na bilheteria do teatro e pelo Sympla

Transmissão: Canal da Orquestra Ouro Preto no Youtube e do Sesc Minas.

Classificação: Livre para todas as idades.

Informaçõeswww.orquestraouropreto.com.br

Foto Naty Torres

Compartilhar

John Doe

John Doe

Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolor

Comentários

Assine a nossa newsletter

Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit

Relacionados