Cultura

Mostrô ganha edição especial no Arraiá do Museu Mineiro e traz expositores especiais de gastronomia junina

9ª Edição da Feira Mostrô será realizada ao ar livre, no Museu Mineiro, na quarta-feira, 15 de junho, véspera de feriado

10 6 2022 minimostro

As festas juninas são uma tradição da cultura mineira. Inicialmente organizadas em quermesses pelas igrejas, as tradicionais festas juninas contavam com barraquinhas de comidas típicas, brincadeiras e danças. A Mostrô 9ª Edição – Especial Arraiá do Museu Mineiro irá realizar o resgate histórico desta festa numa noite recheada de gostosuras. Serão 20 barracas de comidas e bebidas típicas juninas.

Além de um convite ao público para conferir as exposições e os prédios do Museu Mineiro e do Arquivo Público Mineiro, a Mostrô 9ª Edição – Especial Arraiá do Museu Mineiro será uma oportunidade para as pessoas aproveitarem a noite com muita música e gastronomia.

Nesta edição, que acontece no dia 15 de junho, o evento contará com uma programação cultural. Das 18h às 21h, a festa ficará por conta da DJ Miss Cooller. De 20h30 às 21h, o Teatro Escola RC2 promoverá a intervenção artística “Casamento na Roça”. A RC2 Produções, no mercado há 10 anos, tem em seu currículo a montagem de inúmeras peças, sendo várias delas com alunos formados na RC2 Teatro Escola. Em 2022, destacam-se os espetáculos: ‘Cálice’ (apresentado no Teatro da Biblioteca Pública Estadual) e ‘Um Qualquer Como Qualquer Um’ (apresentada na FUNART). Sediada no Bairro Nova Suíça, a escola já inseriu mais de 100 de seus alunos no mercado profissional das artes, com espetáculos, comerciais, filmes e séries. Para a o Arraiá do Museu Mineiro, a RC2 trará para cena o universo caipira, apresentando o tradicional “Casamento na Roça”.

O elenco é formado por Caio Yanni, Geraldo Iannotta, Giovana Fiuza, Paulo Marcos e Tatiane Evellyn. Direção de Rony Camargo; texto: Magna; figurinos: Jane Darc (Loja Camarim); fotos: Gustavo Camargos.

Entre as 21h e as 22h haverá a apresentação do Baque Mar de Morro. O Baque Mar de Morro é um coletivo de artistas e brincantes da Cultura Popular Afro-brasileira que tem como objetivo ocupar a cidade com música e arte acessíveis a todos. Suas principais referências são o Maracatu de Baque Virado, o Coco de Roda, o Boi e o Tambor de Crioula maranhense.

Às 22h15 ocorrerá o lançamento do perfume MinéreSe, da Alento, feito à base de cachaça em homenagem ao ano da Mineiridade. A Alento ajuda pessoas em busca do seu bem-estar a se sentirem mais confiantes e autônomas em suas escolhas através de consultorias de tarô, perfumaria natural terapêutica e rituais feitos com escuta afetiva, leveza e intimidade.

Minas Gerais é terra de encantos, mistérios e segredos ancestrais. Suas montanhas protegem e oferecem sabores únicos e aromas especiais extraídos por um povo que aprendeu a usar com reverência e sabedoria as preciosidades que sua natureza matuta oferece. Na caatinga mineira, único bioma exclusivamente brasileiro, nasceu a cachaça ‘Dama da Noite’, produzida à base de Umburana, que invoca no paladar, com delicadeza, a densidade de um terreno ao mesmo tempo árido e extremamente fértil. MinéreSe é uma mistura de cheiros que criam uma bruma inebriante para quem deseja “mineiriar”, sentir e respirar a essência de Minas.

Das 22h às 23h30, a DJ Miss Cooller retoma os trabalhos, sendo responsável pela música do Arraiá do Museu Mineiro.

Nesta edição, a Mostrô trará a loja colaborativa formada por mais de 50 expositores responsáveis pelas vendas de produtos e brindes para as brincadeiras típicas juninas. Uma outra novidade será a parceria com a Área Verde Eventos, empresa de recreação que irá produzir o espaço kids da Mostrô. As famílias poderão curtir o evento tranquilas e deixar seus filhos num espaço que irá resgatar brincadeiras antigas como pular corda, elástico, amarelinha etc. O espaço kids contará, ainda, com pula-pula, piscina de bolinhas, o famoso touro mecânico e muito mais.

A Mostrô – Mostra de Arte e Cultura Urbana de Gente que Ama o que Faz é realizada pela “Da Terra Gestão Cultural” e tem o apoio institucional do Museu Mineiro, do Arquivo Público Mineiro e do Museu das Minas e do Metal| Gerdau. A iniciativa evidencia diferentes linguagens artísticas, como artesanato, gastronomia, design e literatura. A proposta da Mostrô é valorizar a economia criativa de Minas Gerais ao dar visibilidade ao trabalho de artistas, produtores e trabalhadores e trabalhadoras da cultura no estado.

Fonte: https://www.secult.mg.gov.br/