Cultura

Entre exibições e histórias, Cine Vila Rica lança site oficial nos 35 anos sob gestão da UFOP

O espaço abrigou o Liceu de Artes e Ofícios da região, quase foi igreja e por pouco não virou supermercado. Assim é conhecida popularmente a história do Cine Teatro Vila Rica, um dos tradicionais cinemas da região dos Inconfidentes, que completa, em 2021, 35 anos sob direção da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).  

Depois de toda sua história, a atual coordenadora, Lâne Mabel Soares, afirma que o projeto do Cine Vila Rica segue sendo um movimento cultural de resistência. “Como importante veículo de arte e cultura na região, o Cine Teatro Vila Rica enfrenta com muita disposição os desafios do seu funcionamento. Cientes do papel fundamental da arte cinematográfica, a UFOP e o Cine Vila Rica vão continuar fornecendo, produzindo e viabilizando a arte cinematográfica como alternativa de reflexão e transformação de indivíduos”, afirma Lâne.  

Devido à pandemia, as atividades presenciais do cinema seguem paralisadas, aguardando liberação para que sejam retomadas no Anexo do Museu da Inconfidência — espaço que abriga o Cine atualmente por causa de reformas. Projetos que estavam acontecendo no local seguem paralisados, como o “Conversando Cinema”, ação de mostra cinematográfica com debate, e o “Cinema com a Escola”, que trazia alunos e professores para atividades educativas.  

Neste novo cenário, o Cine migrou seu funcionamento para as mídias digitais. O site oficial foi reformulado e são realizadas exibições on-line do programa “Cinema em Redes — RNP” e do projeto “CINE IF no Sofá”, em parceria com o Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG) campus Ouro Preto. 

HISTÓRIA – A obra arquitetônica do cinema foi construída em 1886. Anos depois, o espaço foi comprado pelo imigrante italiano Salvatore Trópia, que realizou sua gestão junto à família por 27 anos, exibindo, inicialmente, produções do cinema mudo. O primeiro filme sonoro exibido no Cine Vila Rica foi “Rebelião em Vila Rica”, filmado em Ouro Preto, com direção de Renato e Geraldo Santos Pereira.  Em 1986, o cinema foi vendido à Universidade Federal de Ouro Preto e está sob gestão da Coordenadoria de Cultura da Pró-Reitoria de Extensão (Proex). Desde então, segue sendo palco de mostras temáticas de cinema e literatura, de shows musicais e de festivais tradicionais da região, como o Fórum das Letras, o Festival de Inverno Ouro Preto, Mariana e João Monlevade e o CineOP.   

O prédio do Cine Vila Rica está em reformas desde 2018, por isso as exibições vinham sendo realizadas no Anexo do Museu da Inconfidência, na Praça Tiradentes, com gratuidade no valor de entrada. 

Conheça mais do Cine Vila Rica através do site e acompanhe nas redes sociais

Fonte: https://ufop.br/