Tecnologia

Dois projetos de Minas Gerais são finalistas da 10º edição do Campus Mobile

O projeto busca estimular a formação de jovens talentos universitários na criação de soluções mobile, que contribuam para a transformação social do Brasil

Conheça os finalistas da 10ª edição do Campus Mobile

O estado de Minas Gerais terá participação de dois jovens na etapa final da 10ª edição do Campus Mobile. Os universitários, de Belo Horizonte e Juiz de Fora, são responsáveis pela criação de dois dos 18 projetos classificados para a última fase do programa, que visa estimular o desenvolvimento de soluções por meio de aplicativos para dispositivos móveis e serviços do segmento de tecnologia que promovam impacto social e benefícios à população. A iniciativa conta com patrocínio do Instituto Claro e apoio do beOn Claro, hub de inovação da operadora, realização da Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC) e apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP).

Os estudantes representam a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e criaram soluções nas categorias de Educação e Smart Cities. O Campus Mobile conta com seis categorias nas quais os projetos dos estudantes devem se enquadrar, são elas: Diversidade, Educação, Games, Saúde, Smart Cities e Smart Farms.

O estudante do ITA, Vítor Giudice Batista de Araújo Porto, foi criador e idealizador da plataforma “TalkInn”, que conecta estudantes de línguas estrangeiras para treinar conversação. Já Lucas Leandro Ribeiro, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), foi responsável pela criação da ferramenta “Trokái” para compra, venda, troca e doação de roupas.

Nesta etapa final, os finalistas com os projetos mais bem avaliados em cada uma das categorias são premiados com uma viagem de imersão no Vale do Silício, na Califórnia, para aprofundar seus conhecimentos em tecnologia, além de um valor em dinheiro. Para participar, é preciso ser maior de 18 anos, estar matriculado em uma instituição de ensino superior no Brasil ou ter se graduado recentemente.

SOBRE O CAMPUS MOBILE

Campus Mobile é um concurso de inovação e empreendedorismo que busca estimular estudantes universitários e jovens recém-formados a desenvolverem soluções por meio de aplicativos, produtos e serviços do segmento mobile que promovam impacto social e benefícios à população. A iniciativa é realizada pela Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC), com patrocínio do Instituto Claro e apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) e do beOn Claro, hub de inovação da Claro.

SOBRE O INSTITUTO CLARO

A área de Responsabilidade Social da Claro investe continuamente em ações relacionadas à Educação e à Cidadania, por meio do Instituto Claro, com o objetivo de atuar em frentes sociais que integram a tecnologia e a informação como fonte de desenvolvimento e conhecimento. Desta forma, realiza e apoia projetos como o Campus Mobile, o Educonex@o, o Programa Dupla Escola, entre outros. O Instituto Claro é qualificado como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) pelo Ministério da Justiça, e é reconhecido pelo Departamento Global de Comunicação das Nações Unidas (DGC/ONU) como uma organização não governamental corporativa que promove os ideais e princípios sustentados pela Carta das Nações Unidas. Conheça outras realizações no site do Instituto.

Informações para a imprensa:
InPress Porter Novelli
imprensaclaro@inpresspni.com.br