Cultura

DIVERSIDADE DO CINEMA MUNDIAL CONTEMPORÂNEO EM CARTAZ NA NOVA TEMPORADA DO PROGRAMA CINEMATÓGRAFO, DA REDE MINAS, NESTA SEXTA (10)

A cultura e os costumes apresentadas nas produções cinematográficas universais são destaques da atração

O cinema surgiu em 1895 e, rapidamente, se tornou um fenômeno cultural. A sétima arte é produzida em quase todos os cantos do mundo. O programa Cinematógrafo, da Rede Minas, estreia nova temporada e apresenta as cinematografias espalhadas pelo planeta. A atração passeia por continentes para apresentar, semanalmente, o cinema brasileiro, argentino, coreano, inglês, indiano, francês, italiano, espanhol, alemão, chinês, japonês e as produções independentes americanas. No primeiro episódio, o apresentador Fernando Tibúrcio revela o que é o cinema contemporâneo no mundo, nesta sexta (10).

A diversidade cultural de cada povo reflete na criação de narrativas plurais que são apresentadas na telona. Os estilos, a capacidade de identificar o cinema de um país através de temas e visualidades próprias dizem muito sobre a cultura local. No Brasil, o contraste entre as produções cinematográficas do sul do país e do nordeste é evidenciado devido à grande cultura regional de cada local e o cinema se tornou um passaporte para vivenciar a experiência de cada lugar. Na nova temporada, o programa Cinematógrafo leva o público em uma viagem por meio das produções cinematográficas. A atração permite conhecer um pouco mais sobre os costumes e cultura de cada país, com a apresentação de títulos e convidados especiais.

Fernando Tibúrcio

Nesta sexta (10), o cinema contemporâneo mundial e sua diversidade é tema de discussão. Para falar sobre o assunto, estão no programa os críticos de cinema e jornalistas Renato Silveira e Luiza Lusvarghi, além de Rodrigo James. A edição também traz novidades. No quadro “Drops”, curiosidades do filme “Dogville”, drama que conta a história de Grace, interpretada por Nicole Kidman, e que é abrigada em uma pequena cidade situada no interior dos Estados Unidos. A obra explora as qualidades morais dos seres humanos, investiga os limites da maldade e da bondade humana por meio de personagens complexos. Já o “Almanaque” traz entrevista com o grande cineasta mineiro Neville D’Almeida, que conta sobre sua trajetória no cinema e seus atravessamentos em Minas Gerais. Além de mostrar como o cinema mineiro o ajudou em seus processos de se tornar um realizador. As críticas e análises estão no quadro “Ponto de Vista”. Na edição desta semana, o filme “A lenda do cavaleiro verde”, inspirado em um texto do século XIV com uma pegada cristã. O filme é uma jornada épica e contemplativa por um mundo fantástico.

A sétima temporada do programa “Cinematógrafo” estreia na sexta-feira (10), às 20h,. O público confere a atração pela Rede Minas ou, nesse mesmo horário, pelo site da emissora: redeminas.tv.

COMO SINTONIZAR:
redeminas.tv/comosintonizar
A Rede Minas está no ar no canal 9 (VHF) ou 17 (UHF); Net 20 e Net HD 520; Vivo 9; One Seg (para celulares e portáteis) 9.3; e através do satélite Brasilsat C2 para a América Latina.

ACESSE AS REDES SOCIAIS:
www.redeminas.tv
facebook.com/redeminastv
instagram.com/redeminastv
twitter.com/redeminas
youtube.com/redeminas

ATENDIMENTO AO PÚBLICO:
Tel: (31) 3254-3000
Whatsapp: (31) 98272-6543

Tatiana Coutinho
Assessora de Imprensa
Assessoria de Comunicação Social
tatiana.oliveira@redeminas.mg.gov.br
tatianacoutinho.tc@gmail.com
(31)3254-3431