Turismo & Lazer

Circuito conquista certificação e municípios são inseridos na política de regionalização do turismo

Foi publicado no Diário Oficial de 20 de novembro de 2021, a lista oficial das Instâncias de Governanças Regionais e municípios que atenderam aos critérios da certificação 2021, da Política de Regionalização de Turismo do Estado de Minas Gerais.

A nota técnica de número 83 já havia sido expedida em outubro pela Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais porém somente no último dia 20 foi publicada no Diário Oficial.

Mário Marcus, Milena Pedrosa, Glaycon Franco e a presidente do Villas e Fazendas, Tatiane Rezende na comemoração dos 20 anos
Mário Marcus, Milena Pedrosa, Glaycon Franco e a presidente do Villas e Fazendas, Tatiane Rezende na comemoração dos 20 anos do circuito

O Circuito Villas e Fazendas atendeu aos critérios obrigatórios para o processo de certificação de reconhecimento de Instância de Governança Regional 2021, sendo reconhecida como integrante da Política de Regionalização do Turismo em Minas Gerais.

Prefeitos e convidados se reuniram na comemoração dos 20 anos da IGR
Prefeitos e convidados se reuniram na comemoração dos 20 anos da IGR

Já os municípios que compõem o Circuito Villas e Fazendas, que por sua vez atenderam os critérios estabelecidos na legislação vigente, foram oficialmente inseridos na Política de Regionalização do Turismo. São eles: Caranaíba, Casa Grande, Catas Altas da Noruega, Conselheiro Lafaiete, Cristiano Otoni, Itaverava, Lamim, Piranga, Queluzito, Rio Espera, Santana dos Montes e Senhora de Oliveira, garantindo o fortalecimento e desenvolvimento do Turismo.

Sobre a Política de Regionalização do Turismo

A política pública de regionalização do turismo de Minas Gerais, em desenvolvimento pelo Governo do Estado de Minas Gerais desde o ano de 2001, é referência para os demais estados brasileiros no que tange a gestão da atividade turística, seguindo as diretrizes do Programa de Regionalização do Turismo, estabelecido pelo Ministério do Turismo para as regiões turísticas.

O trabalho destas entidades se dá por meio da integração contínua dos municípios, gestores públicos, iniciativa privada e sociedade civil, consolidando uma identidade regional e protagonizando o desenvolvimento por meio de alianças e parcerias.

O Circuito Villas e Fazendas parabeniza os Municípios associados pelo empenho e dedicação e por mais um ano de grandes resultados.

Fonte: https://fatoreal.com.br/