Category Archives: Tecnologia

Tecnologia

PROJETO “DIGITALIZA MINAS” GARANTE O SINAL DA EMISSORA PÚBLICA MINEIRA NAS CIDADES QUE AINDA NÃO TÊM COBERTURA DIGITAL E INOVA COM A CRIAÇÃO DE MULTIPROGRAMAÇÃO

Cerimônia de lançamento acontece nesta quarta-feira (18), em Leopoldina, na Zona da Mata

presidente Rede Minas Sérgio Rodrigo Reis – divulgação Rede Minas

O governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria Estadual de Cultura e Turismo / Empresa Mineira de Comunicação (EMC) e da Secretaria de Estado da Educação, já deu a largada no “Digitaliza Minas”. O projeto garante a cobertura digital em cidades mineiras que, hoje, contam apenas com a tecnologia analógica e que não foram contempladas no programa do governo federal “Digitaliza Brasil”. A ação ainda traz inovações e reafirma o conceito de televisão pública e educativa, permitindo à Rede Minas uma multiprogramação, agregando novos canais dedicados à educação e ao conhecimento. Com isso, a programação da Rede Minas vai chegar em todos os 853 municípios do Estado apresentando novidades.

O lançamento oficial do “Digitaliza Minas” será em Leopoldina, na Zona da Mata, na próxima quarta-feira (18). O presidente da Empresa Mineira de Comunicação (EMC), Sérgio Rodrigo Reis, estará na cidade acompanhado de autoridades do município e da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo. A cerimônia acontece no Centro Cultural de Leopoldina, às 18h. Nas semanas seguintes, o evento se estende para outras regiões do estado. No mês de maio, o lançamento acontece em Congonhas do Norte, na região central, no dia 25/05; e Salinas, norte de Minas, no dia 31.

O “Digitaliza Minas” já teve início com a instalação de transmissores em 33 municípios. No total, serão 332 cidades, sobretudo as acima de 50 mil habitantes, que vão receber antenas garantindo o acesso gratuito ao sistema digital, com qualidade de áudio e vídeo, em um investimento do Governo Estadual de R$ 74 milhões. O projeto vai garantir, também, a continuidade do acesso à televisão. O Ministério das Comunicações estabeleceu o prazo para que as transmissões analógicas sejam encerradas no país em 2023. Com esse investimento, o Governo de Minas disponibiliza a todos a informação relevante, cultura, entretenimento, educação e conhecimento para todos por meio da TV aberta, presente em 96,3% dos domicílios, segundo pesquisa divulgada pelo IBGE.

Canais de Educação

sede Rede Minas – divulgação Rede Minas

A ampliação de sinal local virá acompanhada de um processo de modernização da infraestrutura tecnológica da Rede Minas com o objetivo de melhorar a qualidade de suas produções. A emissora pública se prepara, ainda, para a implantação de uma multiprogramação. Além da programação atual, vão ser mais três canais, dois deles, dedicados, exclusivamente, à educação para atender aos estudantes do ensino fundamental e médio, além de professores e demais profissionais da área, como um importante apoio pedagógico para incrementar seu trabalho educativo. Também já está no radar um quarto canal, cujo planejamento está a pleno vapor. As opções vão permitir a aplicação de um novo conceito que leva a escola à casa do aluno, combinando o ensino presencial com o ensino a distância. A medida não visa substituir o ensino presencial, mas será uma importante ferramenta para garantir o acesso ao conteúdo da grade escolar e opções diversas que reforçam a democratização do acesso à educação.

A modernização não para por aí. Hoje a Rede Minas é transmitida pela TV e pelo site redeminas.tv. Neste mês, também será lançada a EMCplay. A plataforma de streaming (vídeo sob demanda) vai disponibilizar, gratuitamente, o acesso aos conteúdos da emissora, além de diversas produções audiovisuais mineiras.

A Rede Minas pertence à Empresa Mineira de Comunicação (EMC), vinculada à Secretaria de Cultura e Turismo de Minas Gerais (Secult-MG).

SERVIÇO:
Cerimônia de lançamento “Digitaliza Minas”
Cidade que abre os eventos: Leopoldina
Data e local: quarta-feira (18/5), às 18h. Centro Cultural de Leopoldina – rua  João Lamarca, n°44. Centro. Leopoldina – MG

COMO SINTONIZAR:
redeminas.tv/comosintonizar
A Rede Minas está no ar no canal 9 (VHF); Net 20 e Net HD 520; Vivo 9; e através do satélite Brasilsat C2 para a América Latina.

ACESSE AS REDES SOCIAIS:
www.redeminas.tv
facebook.com/redeminastv
instagram.com/redeminastv
twitter.com/redeminas
youtube.com/redeminas

ATENDIMENTO AO PÚBLICO:
Tel: (31) 3254-3000
Whatsapp: (31) 98272-6543

Tatiana Coutinho
Assessoria de Imprensa
Assessoria de Comunicação Social – Rede Minas
tatianacoutinho.tc@gmail.com
tatiana.oliveira@redeminas.mg.gov.br
+55 31 3254-3081

Tecnologia

Coocafé investe em espaço de aprendizagem para o colaborador Coonectar.Se

Com o objetivo de promover o desenvolvimento profissional e pessoal aos colaboradores, a Coocafé tem investido constantemente em palestras, cursos e treinamentos.  No mês de março, a cooperativa lançou, em um evento especial para a equipe, o Coonectar.Se. Um espaço de aprendizagem com cursos e conteúdos.

Em parceria com a Uol Edtech, que é referência no mercado neste quesito, a Coocafé estruturou uma plataforma com ambiente intuitivo, segmentando os conteúdos e cursos por áreas de atuação e o negócio em que colaborador está inserido, proporcionando desenvolvimento de comportamentos, habilidades e atitudes que os tornam protagonistas do processo de aprendizagem e da história que estão escrevendo dentro da cooperativa.

Inicialmente estão sendo oferecidos mais de 35 cursos e 11 jornadas com os mais variados layouts de apresentação, disponível para acessar tanto pelo desktop quanto por tablets e smartphones. Os conteúdos das jornadas foram produzidos por colaboradores de toda a cooperativa. Esse envolvido trouxe ainda mais senso de pertencimento à equipe, despertando cada vez mais o interesse pelo conhecimento e o compartilhamento dessas informações com os colegas.

Além dos cursos e conteúdos, a plataforma também oferece o espaço Coocateca, que disponibiliza e-books, vídeos e podcasts com informações estratégicas da cooperativa. A Coocafé já planeja, no futuro, ofertar aos cooperados o acesso ao Coonectar.Se.

A assistente administrativo da unidade de Lajinha/MG, Ana Paula Louzada, elogiou muito a iniciativa da cooperativa em oferecer tanto conhecimento, principalmente sendo de forma gratuita e com tanta facilidade para acesso e estudos.

Para a gerente de Desenvolvimento Humano, Samira Costa, com o lançamento da plataforma a Coocafé cumpre mais uma vez a sua visão, trazendo inovação para o processo de aprendizado e, sobretudo, para desenvolvimento das pessoas. “Estamos construindo um ambiente que possibilite uma experiência positiva na utilização. Acreditamos que o colaborador deve ser o protagonista de sua carreira e nós somos parceiros dele nesse caminho”. No Coonectar.Se, com a gamificação, além de ter a oportunidade de acessar uma variedade de conhecimentos e informações de muita qualidade, o colaborador tem a possibilidade de se destacar, acumular pontos e trocar por prêmios.

Tecnologia

Alunos SESI são destaque no FIRST Championship

Equipe Atombot, da Escola SESI São João del-Rei, é premiada por Excelência de Engenharia

Fotos: Izabela Lopes Giannetti Horta

A equipe de robótica Atombot, da Escola SESI São João del-Rei, conquistou o 1º lugar na categoria Excelência de Engenharia e a 5ª colocação geral no Desempenho do Robô no FIRST Championship, torneio mundial de robótica educacional. O evento foi realizado em Houston, nos Estados Unidos, entre os dias 20 e 23 de abril.

“A participação do FIRST Championship é o resultado de um ano de trabalho e de dedicação da Atombot”, afirma Izabela Lopes Giannetti Horta, analista de Projetos Educacionais do SESI-MG e coordenadora estadual de Robótica. “Todo esse envolvimento dos alunos culminou com a experiência e oportunidade de vivenciar a ‘copa do mundo’ da robótica. Foi uma experiência emocionante! O brilho nos olhos dos alunos é indescritível!”, ressaltou.

A competição internacional reuniu 108 equipes e foi marcada pela cordialidade e bom relacionamento entre os participantes, comportamentos que refletem os valores do torneio e que são premiados pela organização. Júlia Meneses, 12 anos, e Estela Terzi, 14 anos, da Atombot, receberam bottons Woodie Flowers. O item, que tem edição limitada, é entregue aos participantes que são destaques em valores da FIRST, como o trabalho em equipe, empatia e competição amigável.

“É um bottom que precisa ser conquistado, pois é um core values“, conta Terzi, pontuando, que antes da competição ela e Meneses cumprimentaram as demais equipes e desejaram boa sorte. “Também fomos até a mesa do SESI CLP e falamos: ‘vai dar Brasil!'”, relembra a estudante.


Conteúdo – Jornalismo 
FIEMG – Federação das Indústrias de Minas Gerais 
55 (31) 3263-4444 I 7753 I 4555 I 4512 I 4449 
jornalismo@fiemg.com.br
 

A FIEMG não se responsabiliza por quaisquer falhas, inclusive omissões, existentes na mensagem ou que decorram de sua transmissão, bem como prejuízos provenientes de qualquer alteração do conteúdo. Tais ocorrências são da responsabilidade de seu autor e não refletem a opinião da empresa.
FIEMG is not responsible for any failure, including omission, contained in the message or resulting from its transmission, as well as losses arising from any change in content. Such occurrences are of the author’s liability and do not reflect the opinion of the company.

Tecnologia

1ª Maratona Tech tem inscrições abertas até 22 de abril para alunos do 9º ano e do Ensino Médio de todo o Brasil

Incentivada por 7 grandes empresas e institutos, iniciativa pretende despertar o interesse dos estudantes para o mundo da tecnologia

Até 22 de abril, escolas que atuam com Ensino Médio e 9º ano poderão se inscrever na 1ªMaratona Tech, uma olimpíada inovadora que irá desafiar os alunos a desenvolverem soluções ligadas à tecnologia. A estreia da iniciativa será realizada pela ONG Associação Cactus, e conta com o patrocínio das empresas iFood, XP Inc., VTEX, Arco Instituto, Buser, Fundação Behring e Telles Foundation. O objetivo da ação é despertar o interesse pela área de tecnologia ainda na fase escolar e, ao mesmo tempo, estimular o aprendizado dos estudantes em sala de aula. Qualquer escola pode participar, seja pública ou privada.

Na primeira fase da Maratona Tech, de 2 de maio a 30 de junho, os desafios serão realizados com o apoio de professores previamente capacitados. Os 5% dos totais de alunos participantes que se saírem melhor vão para uma segunda fase, de 8 de agosto a 30 de setembro, na qual relacionarão projetos de vida com profissões ligadas à área de tecnologia, aprenderão sobre pensamento lógico e irão programar uma história digital relacionada às suas perspectivas para o futuro. A ideia é ajudar a desenvolver o pensamento computacional dos jovens — requisito tão importante para a educação atual. A 1ª edição da maratona irá buscar as melhores ideias e reconhecerá o esforço com medalhas e bolsas para continuar os estudos na área de tecnologia.

“A Maratona Tech busca oferecer oportunidades para os nossos jovens talentos, torná-los exemplos para os seus pares e consolidar a cultura de protagonismo dentro dos seus ambientes. Acreditamos que a tecnologia é uma das melhores ferramentas para tornar essa ideia realidade, pelo poder de nos fazer sonhar e construir um futuro nosso.” afirma Jefferson Vianna, fundador e presidente da Associação Cactus.

As inscrições podem ser feitas por professores do Ensino Médio e do 9º ano, por meio do portal Maratona Tech. Após o preenchimento do formulário, será realizada uma comunicação por e-mail para o detalhamento das informações.

A Maratona Tech tem como objetivo ampliar o acesso à educação, especialmente ligada à tecnologia, na sociedade. A ação reúne empresas que possuem sinergia com essa ideia, tendo em vista que a tecnologia é responsável por transformar o dia a dia das pessoas por meio de novas descobertas científicas, mas ainda é preciso promover a inclusão na área para que essa realidade faça sentido para todos.

Sobre o iFood

O iFood, referência em delivery online de comida na América Latina, tem mais de 60 milhões de pedidos mensais. Há dez anos no mercado, a empresa de origem brasileira está presente também na Colômbia. Atua junto aos parceiros com iniciativas que reúnem inteligência de negócio e soluções de gestão para os cerca de 270 mil restaurantes cadastrados em mais de mil cidades em todo o Brasil. O iFood conta com importantes investidores, como a Movile, líder global em marketplaces móveis, e a Just Eat, uma das maiores empresas de pedidos online do mundo. Recentemente foi lançado o iFood News, portal de notícias do iFood que promove temas da atualidade como Nova Economia e conteúdos sobre as curiosidades do negócio, cases de sucesso dos parceiros além da abordagem de tendências e inovação do segmento.

Sobre a Buser

A Buser nasceu com a missão de promover serviços de transporte melhores e a preços mais acessíveis. Nos três primeiros anos de atividade, a empresa promoveu o fretamento colaborativo com uma plataforma para conectar viajantes a empresas de ônibus no qual os passageiros dividem a conta final do fretamento. Nos últimos meses, a startup evoluiu, passando a ser uma plataforma de mobilidade coletiva multisserviços, atuando também como marketplace de passagens, em parceria com grandes companhias, e agora com o Buser Encomendas. Com 6,5 milhões de pessoas cadastradas na plataforma digital, a empresa conta com mais de 400 parceiros (entre fretadores e viações maiores), utilizando mais de 1.200 ônibus. Para mais informações, acesse o portal Buser

Sobre a VTEX

A VTEX (NYSE: VTEX) fornece uma plataforma SaaS (software-as-a-service) de comércio digital para grandes empresas e varejistas. Nossa plataforma permite que os clientes executem sua estratégia de comércio, incluindo a construção de lojas online (ecommerce), a integração e o gerenciamento de pedidos através de diferentes canais, e a criação de marketplaces para vender produtos de fornecedores terceirizados. Fundada no Brasil, a VTEX tem sido líder em acelerar a transformação do comércio digital na América Latina e está expandindo globalmente. Nossa plataforma é projetada para padrões e funcionalidades de nível empresarial. Temos confiança de mais de 2.400 clientes, que contam com a VTEX para se conectar com seus consumidores de uma forma significativa por meio de 3.200 lojas online ativas em 38 países (dados do ano fiscal terminado em 31 de dezembro de 2021). Vagas abertas

Sobre o Arco Instituto

Lançado publicamente em 2021, o Arco Instituto é uma organização sem fins lucrativos e foi criado para estruturar e ampliar as ações de terceiro setor realizadas pela Arco Educação. Por meio de parcerias com organizações sociais, o instituto tem o propósito de empoderar jovens a irem além do que imaginavam ser possível, por meio da Educação. Em 2021 apoiou 23 organizações sociais que impactaram mais de 100 mil jovens. Informações no portal Arco Instituto

Sobre a Associação Cactus

A Associação Cactus surgiu em 2014, na cidade de Tauá-CE, com o objetivo de transformar a vida dos jovens brasileiros, por meio da educação e da criação de uma cultura de protagonismo. Atuamos em quatro grandes frentes com os nossos municípios parceiros: trilhas olímpicas, consultoria pedagógica, olimpíadas e maratonas próprias e oportunidade alumni. Fomentamos a participação dos estudantes em olimpíadas de conhecimento, sejam elas próprias ou externas, e oportunizamos bolsas para os jovens destaques. Nos últimos anos crescemos de maneira exponencial, passando de 15 cidades atendidas no início de 2020 para 84 cidades em 2022, já tendo impactado mais de 90 mil jovens via nossos programas e, apenas em 2021, tivemos 614 alunos premiados na OBMEP. Informações no portal Associação Cactus
 

Sobre a XP Inc.

A XP Inc. é uma plataforma tecnológica de investimentos, serviços financeiros e educação, dona das marcas XP, Rico, Clear, Infomoney, XPeed, entre outras. A XP Inc. tem mais de 3,4 milhões de clientes e R$ 815 bilhões de ativos sob custódia. Nos últimos 20 anos, a empresa vem transformando o mercado financeiro brasileiro para melhorar a vida das pessoas, garantindo relações mais transparentes entre os clientes e as instituições financeiras. Para mais informações, acesse o site XP Inc.

Comunicação à imprensa XP:

Agência FR: xp@agenciafr.com.br

Tecnologia

Escola SESI São João del-Rei é a vencedora do Torneio de Robótica

Etapa Minas Gerais da competição, realizada neste fim de semana, reuniu 280 competidores, de 36 equipes, que representaram 22 cidades mineiras

Fotos: Lucas Nolasco

A equipe Atombot, da Escola SESI São João del-Rei, é a grande vencedora da etapa Minas Gerais do Torneio SESI de Robótica. O segundo lugar ficou com a Uai Sô, da Escola SESI Itaúna; seguida da Lego Bros MG, da Escola SESI São Gonçalo de Sapucaí. Além dessas três primeiras colocadas, foram classificadas para a etapa nacional da competição – de 27 a 29 de maio, em São Paulo – as equipes Delta, de São João Nepuceno, Amigos Droids, de Belo Horizonte, e Robozeus, de Barbacena.

O jovem Pedro Cordovil de Souza, 13 anos, da campeoníssima Atombot, disse que não cabia em si pela felicidade de representar o estado na fase nacional. “A tecnologia e a robótica mudaram minha vida, minha visão de mundo. Entre tantas coisas, me ensinaram a trabalhar em equipe”, frisou o jovem, que contou participar do Torneio SESI de Robótica desde 2019.

No próximo dia 17, os integrantes da Atombot viajam para Houston, nos Estados Unidos, onde representam o Brasil e Minas Gerais no Word Festival de Robótica. Souza explicou que, em 2021, quando a disputa brasileira foi realizada remotamente, em função da pandemia, a Atombot ficou em segundo lugar. Agora, com a retomada das atividades presenciais, o time de São João del-Rei recebeu o convite para o evento internacional.

WhatsApp-Image-2022-04-03-at-19-27-10.jpeg

Para Sabrina Pereira da Silva, coordenadora de Inovação e Tecnologia do SESI-MG, a participação em eventos como o Torneio SESI de Robótica, propicia ao estudante o desenvolvimento de habilidades muito requisitadas atualmente, como a liderança, o trabalho em equipe, inspiração e engajamento. “O mercado de trabalho está cada vez mais exigente e busca novas habilidades e competências”, disse, reforçando, que o ambiente educacional prepara os alunos para essa realidade. “O trabalho com robótica, em sala de aula, faz com que o aluno desenvolva a resiliência, que aprenda com os próprios erros e proponha resoluções de problemas”, afirmou.

0fbcda92-30ce-4d8d-b1ba-16bf36aef042.jpg

Torneio SESI de Robótica 2022 – O festival, que reuniu 280 competidores, de 36 equipes, de 22 cidades mineiras, foi realizado nos dias 3 e 4/04, na Escola SESI Alvimar Carneiro de Rezende, em Contagem. O evento contou com a participação de duas escolas particulares, oito escolas públicas e 26 Escolas SESI-MG.

O torneio é fundamental para que nossos alunos, que fazem aulas de robótica ao longo do ano, colocarem em prática todo esse conhecimento”, afirmou Flávio Roscoe “Temos equipes que disputam fora do país, que estão no topo do mundo. Entretanto, o mais importante é o conhecimento adquirido e o gosto pelas ciências exatas, que será aplicado, posteriormente, nas indústrias e no mercado de trabalho”, comentou Roscoe.
 

6305ab64-8974-4ecb-9c1a-7b7331640f2a.jpg

Christiano Leal, superintendente do SESI-MG e diretor do SENAI-MG, reforça as palavras de Roscoe, ao afirmar que o evento, que acontece anualmente, é a oportunidade dos alunos demonstrarem talento, criatividade e poder de solução de problemas complexos. “O SESI, que tem em seu DNA, a inovação e tecnologia, é hoje o maior complexo educacional do estado, com 35 escolas. Podemos ver a força de seu planejamento educacional em competições como o Torneio de Robótica”, pontuou Leal, feliz com mais uma conquista dos alunos SESI.

6fe2fdf0-aa87-487e-96aa-bc8d8700bc9e.jpg


Conteúdo – Jornalismo 
FIEMG – Federação das Indústrias de Minas Gerais 
55 (31) 3263-4444 I 7753 I 4555 I 4512 I 4449 
jornalismo@fiemg.com.br
A FIEMG não se responsabiliza por quaisquer falhas, inclusive omissões, existentes na mensagem ou que decorram de sua transmissão, bem como prejuízos provenientes de qualquer alteração do conteúdo. Tais ocorrências são da responsabilidade de seu autor e não refletem a opinião da empresa.

FIEMG is not responsible for any failure, including omission, contained in the message or resulting from its transmission, as well as losses arising from any change in content. Such occurrences are of the author’s liability and do not reflect the opinion of the company 

Tecnologia

Dois projetos de Minas Gerais são finalistas da 10º edição do Campus Mobile

O projeto busca estimular a formação de jovens talentos universitários na criação de soluções mobile, que contribuam para a transformação social do Brasil

Conheça os finalistas da 10ª edição do Campus Mobile

O estado de Minas Gerais terá participação de dois jovens na etapa final da 10ª edição do Campus Mobile. Os universitários, de Belo Horizonte e Juiz de Fora, são responsáveis pela criação de dois dos 18 projetos classificados para a última fase do programa, que visa estimular o desenvolvimento de soluções por meio de aplicativos para dispositivos móveis e serviços do segmento de tecnologia que promovam impacto social e benefícios à população. A iniciativa conta com patrocínio do Instituto Claro e apoio do beOn Claro, hub de inovação da operadora, realização da Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC) e apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP).

Os estudantes representam a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e criaram soluções nas categorias de Educação e Smart Cities. O Campus Mobile conta com seis categorias nas quais os projetos dos estudantes devem se enquadrar, são elas: Diversidade, Educação, Games, Saúde, Smart Cities e Smart Farms.

O estudante do ITA, Vítor Giudice Batista de Araújo Porto, foi criador e idealizador da plataforma “TalkInn”, que conecta estudantes de línguas estrangeiras para treinar conversação. Já Lucas Leandro Ribeiro, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), foi responsável pela criação da ferramenta “Trokái” para compra, venda, troca e doação de roupas.

Nesta etapa final, os finalistas com os projetos mais bem avaliados em cada uma das categorias são premiados com uma viagem de imersão no Vale do Silício, na Califórnia, para aprofundar seus conhecimentos em tecnologia, além de um valor em dinheiro. Para participar, é preciso ser maior de 18 anos, estar matriculado em uma instituição de ensino superior no Brasil ou ter se graduado recentemente.

SOBRE O CAMPUS MOBILE

Campus Mobile é um concurso de inovação e empreendedorismo que busca estimular estudantes universitários e jovens recém-formados a desenvolverem soluções por meio de aplicativos, produtos e serviços do segmento mobile que promovam impacto social e benefícios à população. A iniciativa é realizada pela Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC), com patrocínio do Instituto Claro e apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) e do beOn Claro, hub de inovação da Claro.

SOBRE O INSTITUTO CLARO

A área de Responsabilidade Social da Claro investe continuamente em ações relacionadas à Educação e à Cidadania, por meio do Instituto Claro, com o objetivo de atuar em frentes sociais que integram a tecnologia e a informação como fonte de desenvolvimento e conhecimento. Desta forma, realiza e apoia projetos como o Campus Mobile, o Educonex@o, o Programa Dupla Escola, entre outros. O Instituto Claro é qualificado como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) pelo Ministério da Justiça, e é reconhecido pelo Departamento Global de Comunicação das Nações Unidas (DGC/ONU) como uma organização não governamental corporativa que promove os ideais e princípios sustentados pela Carta das Nações Unidas. Conheça outras realizações no site do Instituto.

Informações para a imprensa:
InPress Porter Novelli
imprensaclaro@inpresspni.com.br 

Tecnologia

Programa gratuito que soluciona problemas reais de empresas tem inscrições abertas

2º Desafio Conecta Hub é uma parceria entre FIEMG, Una e DTI Digital, e visa a troca de experiências por meio de um espaço compartilhado

Imagine que a empresa que você é proprietário ou gestor está com um problema na área de Engenharia, Gestão e Negócios ou Tecnologia, o que tem atrapalhado os resultados do negócio. Apesar disso, você não tem capital para contratar uma consultoria para identificar caminhos e propor alternativas.

Pois bem: todo esse trabalho especializado pode ser feito gratuitamente para as empresas que se cadastrarem, até 20 de fevereiro, no 2º Desafio Conecta Hub (clique aqui), um projeto compartilhado entre FIEMG, Una e DTI Digital, que oferece o auxílio de universitários e professores na resolução de problemas.

Para participar, as indústrias interessadas devem preencher um formulário em que apresentam o dilema do negócio. Ou seja, algum problema que possa ser trabalhado pelos estudantes. Os universitários, acompanhados de professores e coordenadores de cursos envolvidos, irão atuar no caso durante cinco meses, fazendo reuniões mensais com as empresas para alinhar pautas. No fim do período, as possíveis soluções criadas serão apresentadas aos participantes.

Problema

Na hora de se inscrever, o representante da empresa poderá submeter até três dilemas (sendo um por área) no Desafio Conecta Hub. As áreas disponíveis são: Engenharia; Gestão e Negócios; e Tecnologia. Para a Engenharia, as temáticas são: Manufatura auxiliada por computador; Planejamento e controle da produção; e Projeto e realização do produto.

No caso da área de Gestão e Negócios, os temas são: Administração e integração de operações e qualidade; Administração e integração logística; Aspectos humanos e socioculturais; Contabilidade pública, socioambiental e avançada; Globalização e estratégia; Inovação, sustentabilidade e competitividade empresarial; Marketing, Branding e Prospecção de Mercados; Mercado financeiro e valuation; e Tomada de decisão.

Por fim, em Tecnologia, são os seguintes assuntos: Desenvolvimento de soluções com Inteligência Artificial; Desenvolvimento de aplicativos; Desenvolvimento de sites; e Análise de dados para melhora da performance nas empresas. O formulário pode ser visto aqui.

Desafio Conecta HUB

O Desafio Conecta HUB é um programa que visa oportunizar, por meio de uma metodologia estruturada, aplicação prática de conteúdos aprendidos pelos estudantes da Una. O objetivo é desenvolver competências voltadas para o protagonismo, criatividade, solução de problemas e o empreendedorismo.

Dessa forma, espera-se contribuir para a formação dos estudantes e das empresas participantes, visando a potencialização de sua experiência educacional, bem como a geração de novas soluções com fomento à inovação e à competitividade para as empresas participantes. O Desafio Conecta HUB é uma parceria entre a FIEMG, o Centro Universitário Una, e a empresa DTI Digital.

Parceiros

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) representa o setor industrial de Minas Gerais e atua para que a indústria mineira se torne cada vez mais competitiva, inovadora e sustentável, capaz de gerar novos negócios, riqueza e desenvolvimento. A instituição oferece às empresas mineiras assessoria e apoio em áreas vitais como trabalhista, crédito e financiamento, tributária e meio ambiente. É por meio de suas áreas de negócios e das entidades que a compõem — CIEMG, SESI, SENAI e IEL, que a FIEMG atende as demandas da indústria e da sociedade.

Una oferece cursos de graduação e pós-graduação em diversas áreas de conhecimentos, atuante no mercado de ensino há 60 anos. É reconhecida entre as melhores instituições de ensino privado do país, de acordo com a avaliação do IGC (Índice Geral de Cursos) divulgado pelo Ministério da Educação (INEP/MEC) — principal indicador nacional de qualidade do ensino superior no Brasil. Hoje, com 19 unidades, distribuídas em Minas Gerais e Goiás, oferece também o espaço Ânima Lab — um centro de inovação voltado à pesquisa, desenvolvimento tecnológico e empreendedor.

DTI apresenta soluções ágeis e transformadoras para empresas dos mais diversos segmentos, oferecendo soluções específicas para cada modelo de negócio a partir da cultura ágil, visando sempre a experiência do usuário. Na era da Transformação Digital, ela se apresenta como uma forma de adaptação e versatilidade nos cenários instáveis. A transformação digital proposta pela DTI vai além do campo tecnológico: atinge a cultura, as tecnologias e a mentalidade da organização, fundamentadas pelos valores do agilismo.


Conteúdo – Jornalismo 
FIEMG – Federação das Indústrias de Minas Gerais 
55 (31) 3263-4444 I 7753 I 4555 I 4512 I 4449 
jornalismo@fiemg.com.br

A FIEMG não se responsabiliza por quaisquer falhas, inclusive omissões, existentes na mensagem ou que decorram de sua transmissão, bem como prejuízos provenientes de qualquer alteração do conteúdo. Tais ocorrências são da responsabilidade de seu autor e não refletem a opinião da empresa.

FIEMG is not responsible for any failure, including omission, contained in the message or resulting from its transmission, as well as losses arising from any change in content. Such occurrences are of the author’s liability and do not reflect the opinion of the company 

Tecnologia

Coocafé Tour promove tecnologias e cuidados com a lavoura

Uma reunião com cooperados, no meio da lavoura, com demonstração de tecnologias, manejos e aplicações para controle de plantas daninhas, é assim que tem sido realizado o Coocafé Tour no início desse ano (2022). Até o momento cerca de 30 treinamentos já foram concluídos e mais de 250 cooperados foram capacitados.

O objetivo dessa ação é melhorar o nível tecnológico dos associados e seus familiares ou funcionários, aumentar a produtividade e qualidade do produto, e promover a sustentabilidade do negócio. Diferente do Dia de Campo, o Coocafé Tour é realizado com poucos produtores, cerca de 15 por evento, assim, o tema é aplicado de forma mais rápida e possibilita que além do conteúdo prático, possam também realizar a parte prática e esclarecer as dúvidas, já que o treinamento ocorre na propriedade do associado.

Para o cooperado Miguel Lamas, de Guaçuí/ES, “É de extrema importância que todo produtor participe dessa iniciativa. A escolha dos bicos para pulverização, a quantidade de produto a ser aplicado, por menores que sejam os detalhes, faz toda diferença no resultado que nós queremos e precisamos da lavoura, com relação ao custo-benefício”.

Para 2022, a Coocafé tem em seu planejamento o objetivo de treinar e aperfeiçoar ainda mais o conhecimento dos seus cooperados, cumprindo a sua missão de oferecer sempre aos associados soluções integradas visando a melhoria da qualidade de vida.

Fonte: https://www.coocafe.com.br/

Tecnologia

ENGENHEIRO ALLAN CUPERTINO É O CONVIDADO DO PALAVRA CRUZADA PARA FALAR SOBRE ENERGIAS RENOVÁVEIS, NA REDE MINAS, NESTA QUARTA (26)
Daniela Murad, Allan Cupertino e Alessandra Ribeiro – divulgacao Rede Minas

A busca por soluções para a produção de energias renováveis rendeu a um mineiro, de apenas 29 anos, o prêmio de melhor tese do mundo. O doutor em Engenharia Elétrica pela UFMG, Allan Fagner Cupertino, foi agraciado pelo Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE). Allan nasceu em Coimbra, na Zona da Mata, passou por escolas públicas e graduou-se na Universidade Federal de Viçosa. Ele é o convidado do Palavra Cruzada, da Rede Minas, nesta quarta (26). O programa, comandado por Daniela Murad, ainda conta com a participação da jornalista Alessandra Ribeiro.

O Palavra Cruzada vai ao ar nesta quarta (19), às 20h, pela Rede Minas. O público também pode conferir a atração, nesse mesmo horário, no site da emissora: redeminas.tv.

COMO SINTONIZAR:
redeminas.tv/comosintonizar
A Rede Minas está no ar no canal 9 (VHF) ou 17 (UHF); Net 20 e Net HD 520; Vivo 9; One Seg (para celulares e portáteis) 9.3; e através do satélite Brasilsat C2 para a América Latina.

ACESSE AS REDES SOCIAIS:
www.redeminas.tv
facebook.com/redeminastv
instagram.com/redeminastv
twitter.com/redeminas
youtube.com/redeminas

ATENDIMENTO AO PÚBLICO:
Tel: (31) 3254-3000
Whatsapp: (31) 98272-6543

Tatiana Coutinho
Assessoria de Imprensa
Assessoria de Comunicação Social – Rede Minas
tatianacoutinho.tc@gmail.com
tatiana.oliveira@redeminas.mg.gov.br
+55 31 3254-3431

Tecnologia

Mineira é uma das vencedoras Women that Build Awards, premiação internacional da Globant

A Globant reconheceu 50 mulheres de 11 países, entre 1.000 candidatas de 27 nações diferentes, por seu trabalho impressionante no setor de TI. Dentre as vencedoras, um painel de jurados renomados selecionou as 4 vencedoras no Brasil;

Globant (NYSE: GLOB), uma empresa nativa digital focada em reinventar os negócios por meio de soluções de tecnologia inovadoras, anunciou 44 vencedoras locais e seis vencedoras globais em seu prêmio anual Woman that Build Award, que homenageia as mulheres que estão impactando positivamente a indústria de TI.

A Mineira Natalia Zuca, Diretora na VTEX, foi um dos destaques dessa edição;

Com mais de 1.000 indicações, 69.000 votos e 63 instituições apoiando ao prêmio em todo o mundo e um mês de deliberações locais e globais, os nomes das vencedoras são: Natalia Zuca, Diretora na VTEX; Nivea Consuelo Carvalho Dos Santos, Professora no SENAC; Regiane Relva Romano, C-level na Facens | Vip-Systems Informática e Karina Karim Gomes, Engenheira e fundadora do OIA – Oficina de Inovação e Ancestralidade UFF.

“Para a Globant, o Women That Build Awards significa um marco no caminho para diminuir a desigualdade e celebra as mulheres que estão criando as condições para um futuro mais inclusivo, igualitário e diverso para todos”, disse Patricia Pomies, diretora de operações da Globant. “Hoje, queremos reconhecer não apenas as vencedoras, mas também todas as candidatas e eleitores que se uniram aos nossos esforços para tornar essas histórias visíveis. Para nós é extremamente importante continuar criando esse tipo de cenário para aumentar a participação das mulheres no setor”.

As quatro vencedoras foram escolhidas por um júri composto por Alessandra Bomura, CIO Latam na Logicalis; Cibele Cardin, CIO na Careplus; Martha Gabriel, Best seller author, professor and international keynote speaker; Andréa Paiva Gonçalves Reinstein, Academic Head of Digital Learning na FIAP; Nicolás Kaplun, Chief Business Officer for Latam na Globant e Juliana Sá, Executive Manager of Corporate Relations and Sustainability na Scania.

“Na Globant, queremos reduzir a lacuna de gênero em TI e buscamos fomentar uma comunidade de apoio entre as mulheres no setor de tecnologia; seja para inspirar meninas a estudar STEM ou mães que consideram retornar ou expandir suas carreiras na indústria”, acrescentou Martin Migoya, CEO e cofundador da Globant. “Com o Women That Build Awards, nosso objetivo é apoiar as vozes e o trabalho das nossas vencedoras. Isso é crucial para a construção de uma indústria diversificada e inclusiva. Esperamos que suas histórias inspirem e motivem nossa comunidade global também.”

Mais sobre as vencedoras:

• Natalia Zuca, vencedora da categoria Inspiring Executive, demonstrou não estar apenas liderando o presente e o futuro da tecnologia e sendo uma inspiração, mas também por motivar, capacitar e empoderar as mulheres ao seu redor, mesmo sendo muito jovem.

• Nivea Consuelo Carvalho Dos Santos, vencedora da categoria Digital Leader, se destacou por seu grande esforço ao longo da carreira, vinda de uma cidade pequena, norte do Brasil, abriu espaço em um ambiente completamente dominado por homens.

• Regiane Relva Romano, vencedora da categoria Tech Entrepreneur category, se destacou por iniciar sua jornada profissional muito jovem e sua evolução de carreira na área de TI. Desenvolveu projetos importantes ao longo da jornada.

• Karina Karim Gomes, vencedora da categoria Rising Star, usa sua experiência de vida para impactar uma sociedade extremamente carente. Apresentou um discurso seguro de sua atuação e seu propósito para a sociedade.

O evento Global contou com palestrantes de destaque, incluindo Linda Rottenberg, Co-fundadora e CEO da Endeavor; Payal Manan Rajpal, Chefe da Robotex International Sul da Ásia e Diretora da Robotex e Amber Anderson, fundadora e CEO da Tote + Pears, entre outros.

Sobre a Globant

Somos uma empresa digital nativa que ajuda as organizações a se reinventarem para avançar seus negócios e aumentar seu potencial. A Globant é uma empresa onde engenharia, design e inovação se unem em grande escala.

• Contamos com mais de 20.000 profissionais e estamos presentes em 18 países trabalhando para empresas como Google, Rockwell Automation, Electronic Arts e Santander, entre outras.

• Fomos nomeados líder mundial em serviços de consultoria em estratégia digital pelo relatório IDC MarketScape.

• Fomos apresentados como um estudo de caso em Harvard, MIT e Stanford.

• Somos membros do Green Software Foundation (GSF) e Cybersecurity Tech Accord.

Fonte: