Esporte

Brenda Pereira é convocada para a Copa do Mundo Júnior de Tiro Esportivo

Brenda Pereira, a mineira de apenas 17 anos, natural de Manhuaçu, foi convocada para a Seleção Brasileira Júnior de Tiro Esportivo, para participar da ISSF Junior World Cup Rifle / Pistol / Shotgun – Copa do Mundo Júnior de Tiro Esportivo, que será realizada na cidade de Suhl – Alemanha, entre os dias 09 e 20 de maio.

A atleta é atiradora do Projeto TEAR – Tiro Esportivo Adaptado de Rendimento, desenvolvido pela Clube de Tiro Guardiões do Caparaó, em Manhuaçu/MG, e será a única representante do Brasil na modalidade Carabina de Ar.

Brenda reside com seus pais, no distrito de Sacramento, em Manhuaçu, onde os auxilia na colheita de café. Segundo ela: “Estou me preparando da melhor forma possível, tendo que conciliar os treinos, escola e o preparo do café. Estou me dedicando muito para poder fazer um bom resultado nessa provas internacionais, representando meu clube e o Brasil!”

COPA DO MUNDO DE TIRO ESPORTIVO

Além de ser convocada para a Copa do Mundo Júnior de Tiro Esportivo, Brenda também estará entre os 19 brasileiros que irão participar da Copa do Mundo de Tiro Esportivo, a ser realizada entre os dias 09 a 19 de abril, no Centro Olímpico do Rio de Janeiro.

A atleta júnior iniciou no esporte aos 11 anos de idade, no Projeto TEAR, e hoje, com 17 anos, coleciona diversos títulos e recordes, além de ser tetracampeã brasileira de tiro esportivo.

A competição, que transformará o Rio de Janeiro na Capital Mundial do Tiro Esportivo no próximo mês, contará com a presença dos 186 melhores atletas do mundo, representando 28 países e três continentes.

ESTANDE OLÍMPICO

As Associações Desportivas The Guardian e Guardiões do Caparaó, ambas sem fins lucrativos e que desenvolvem e fomentam o Tiro Esportivo, por meio do Projeto TEAR, iniciaram a construção do Estande Olímpico The Guardian, no Centro Comercial Carlos Augusto Ribeiro Carli (Vila Mercantil), em Caratinga.

Segundo Wilson Moura, Diretor Técnico e Coordenador do Projeto TEAR, “é um sonho que estamos realizando, a construção da sede própria das Associações e de um Estande com todas as medidas e exigências da ISSF – Órgão Mundial que regula o Tiro Esportivo. Desde o início do Projeto, em 2016, começamos a trabalhar no sentido de conquistar isso, e agora, conseguiremos dar condições não somente para a Brenda, mas para todos outros atletas que se interessam e se destacam em nossa região, promovendo, ainda, a inclusão de paratletas.”

Segundo João Moura, presidente da Associação The Guardian, estão em andamento várias tratativas com empresas privadas, parceiros e apoiadores para que a construção do Estande Olímpico termine o mais breve possível, com possibilidade de atender os atletas ainda esse ano.

Fonte: https://www.portalcaparao.com.br/