Cultura

Biblioteca Estadual recebe programação da Campanha de Popularização do Teatro e da Dança
11 1 20222 minicampanhasecult
Durante os meses de janeiro e fevereiro, público vai conferir produções diversificas, com atrações para crianças e adultos

Uma série de espetáculos aguarda o público da Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais em janeiro. O espaço, vinculado à Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult), recebe parte da programação da 47ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança. Ao todo, seis produções, entre infantis e adultos, serão apresentados no Teatro José Aparecido de Oliveira, de 14 de janeiro a 20 de fevereiro.

A programação da Campanha de Popularização do Teatro e da Dança na Biblioteca Estadual reúne os espetáculos “Os homens querem casar e as mulheres querem sexo”, “Os Saltimbancos”, “Pouso Forçado”, “Meu adorável Genro”, “Como vencer a burocracia sem ter um infarto” e “O Chapeleiro Maluco”. Os ingressos podem ser adquiridos nos postos do Sinparc e no portal Vá ao Teatro a R$ 20. Na Bilheteria do Teatro da Biblioteca, os ingressos serão vendidos a partir de R$ 42,00.

O espetáculo que abre a programação é “Os homens querem casar e as mulheres querem sexo”, que ficará em cartaz de 14 a 16 de janeiro, com sessões às 20h na sexta-feira (14/1) e no sábado (15/1), e às 19h, no domingo (16/1). A peça conta a história de Jonas, um rapaz que tenta de todas as maneiras encontrar uma mulher pra se casar. Durante essa busca, muitos tipos de mulheres passam pela sua vida, deixando histórias de rolar de rir. Frequentador assíduo de casamentos, ele briga por todos os buquês e enfeites de bolo e depois de várias tentativas frustradas, resolve ir para uma lounge, pra beber e desabafar com seu lado feminino.

De 15 de janeiro a 6 de fevereiro, entra em cartaz a peça “Os Saltimbancos”, com apresentações sempre às 16h. O espetáculo narra a história do encontro de quatro animais (um jumento, um cachorro, uma galinha e uma gata), que devido a maus tratos, fugiram de seus patrões. Juntos decidem formar um grupo musical e rumam à cidade para começar a carreira artística. No caminho encontram seus antigos donos e temendo serem novamente escravizados, resolvem enfrentá-los. Os bichos vencem e chegam à conclusão de que unidos conseguirão superar todas as dificuldades.

A programação também conta com o espetáculo “Pouso forçado”, que será encenado de 21 a 23 de janeiro. As sessões acontecem às 19h30, na sexta-feira (21/1) e no sábado (22/1), e às 19h no domingo (23/1). A montagem conta a história de Flávio, um homem que vive a vida fazendo pousos no mercado financeiro, mudando-se para York, fazendo bicos sem nunca encontrar um lugar. Até sentir que seu casamento teria sido mais um pouso forçado se Chantila não fosse tão louca e disposta a maiores desafios que ele.

“Meu adorável genro” estará em cartaz de 28 a 30 de janeiro, com apresentações às 20h na sexta-feira (28/1) e no sábado (29/1), e às 19h no domingo (30/1). Nesse espetáculo, uma divertida dona de casa, que para sair da rotina sexual de seu casamento, veste-se de Marilyn Monroe e com muito humor e nenhum pudor usa como armas o amor, a sensibilidade, e a sensualidade na conquista diária para ser feliz.

Ao longo de todo o mês de fevereiro, o público confere a produção “Como vencer a burocracia sem ter um infarto”, que será apresentada entre 4/2 e 27/2. As sessões acontecem às 20h, nas sextas-feiras e nos sábados, e aos domingos, às 19h. A peça conta a história de Nestor, um cidadão comum, que precisa enfrentar a morosidade do Estado e um funcionário público pra lá de aloprado para provar que está VIVO. Nessa confusão, quem morre (de rir!) é o espectador.

A programação da Campanha de Popularização do Teatro e da Dança se encerra com o espetáculo “O Chapeleiro Maluco”, em cartaz nos dias 12 e 13 de fevereiro, com sessões às 16h. A peça leva para o palco de forma lúdica e descontraída a história do Chapeleiro Maluco, que deixa de ser maluco, perdendo assim sua personalidade ao se deparar com a tragédia de sua família, onde somente uma pessoa que acredita no impossível poderá ajudá-lo, sua verdadeira amiga “Alice”. Com um desfecho surpreendente, o espetáculo traz ao público uma verdadeira lição de vida e reflexão sobre os valores: “família e amizade verdadeira”.

Confira a programação completa

Os homens querem casar e as mulheres querem sexo

Data: 14/01, 15/01 e 16/01

Horário: Sexta e sábado às 20h, domingo às 19h

Ingressos: https://www.vaaoteatromg.com.br/detalhe-peca/belo-horizonte/os-homens-querem-casar-e-as-mulheres-querem-sexo

Os Saltimbancos

Datas: 15/01, 16/01, 22/01, 23/01, 05/02 e 06/02

Horário: 16h

Ingressos: https://www.vaaoteatromg.com.br/detalhe-peca/belo-horizonte/os-saltimbancos  

Pouso Forçado

Datas: 21/01, 22/01 e 23/01

Horário: Sexta e sábado às 19h30, domingo às 19h

Ingressos: https://www.vaaoteatromg.com.br/detalhe-peca/belo-horizonte/pouso-forcado  

Meu adorável Genro

Datas: 28/01, 29/01 e 30/01/2022

Horário: Sexta e sábado às 20h, domingo às 19h

Ingressos: https://www.vaaoteatromg.com.br/detalhe-peca/belo-horizonte/meu-adoravel-genro

Como vencer a burocracia sem ter um infarto

Datas: 04/02, 05/02, 06/02, 11/02, 12/02, 13/02, 19/02 e 20/02

Horários: Sexta e sábado às 20h, domingo às 19h

Ingressos: https://www.vaaoteatromg.com.br/detalhe-peca/belo-horizonte/como-vencer-a-burocracia-sem-ter-um-infarto

O Chapeleiro Maluco

Datas: 12/02 e 13/02

Horário: 16h

Ingressos: https://www.vaaoteatromg.com.br/detalhe-peca/belo-horizonte/o-chapeleiro-maluco

Fonte: https://www.secult.mg.gov.br/