Aqueles Cinco Segundos é selecionado para 19ª Mostra de Tiradentes

A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

 
Felipe Saleme, ex-integrante do grupo Ponto de Partida é quem assina a direção do curta-metragem
 
O curta-metragem surgiu de uma conversa de bar. Primeiro trabalho em parceria entre o jornalista, dramaturgo e ator, Tairone Vale e o ator e diretor, Felipe Saleme. “Aqueles Cinco Segundos” narra a história de dois amantes que se relacionam há dois anos e nunca se beijaram.
Com uma premissa simples, porém profunda, o filme reúne talentos de diversas partes do país e é estrelado por dois promissores atores da safra nacional: Luciana Paes e Gabriel Godoy.
 
Vale foi quem roteirizou o filme e Felipe, ex Ponto de Partida, atuou brilhantemente na direção. Para ele, a experiência como ator auxiliou na realização do projeto.
Trabalhando pela primeira vez juntos, Vale conta que a ideia do filme surgiu em uma conversa de bar: “O Saleme veio com teoria dos cinco segundos (de que os cinco segundos que antecedem o primeiro beijo são um momento único, que não se repete), que ele leu sei lá onde, e na hora me veio esse estalo. E se um casal de longa data não tivesse passado por isso? Não tivesse tido essa sensação, esse convite à intimidade, esse prelúdio a qualquer história romântica? Foi assim que surgiu uma ideia que considero simples, que é tratada de uma maneira crua em uma situação cotidianamente banal”.
 
Vindo do teatro, Felipe Saleme acredita que sua experiência contribuiu muito na direção de atores e na sua forma de ver uma cena. “A experiência do teatro prepara o ator para qualquer mídia. É o berço. É claro que existem diferenças técnicas entre as duas linguagens, mas acredito que a engrenagem seja uma só. Quando o ator está ali, de verdade, inteiro, seja na TV ou no teatro, o público percebe. Acho que o fato de ter sido ator ajuda muito na sintonia com o elenco. Isso torna a linguagem entre nós muito mais direta.”
 
Com o patrocínio da Lei Murilo Mendes de Incentivo à Cultura, o filme estreou em 2015 e, irá circular por festivais por todo o país, reforçando o crescimento da produção audiovisual da região. O curto será apresentado na 19ª Mostra de Cinema em Tiradentes.
 
 
Texto Flávia Siqueira
Imagens cedidas por Felipe Saleme

Compartilhar

John Doe

John Doe

Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolor

Comentários

Assine a nossa newsletter

Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit

Relacionados