Educação

Espante o sono durante os estudos
sono

Confira dicas simples e fáceis que vão ajuda-lo a ter um rendimento melhor nos estudos

Na maratona de estudar para um concurso público é normal ter um acompanhante não muito agradável: o sono. A gente sabe, acontece nas melhores famílias, você está lá lendo um texto ou mesmo o anunciado de uma questão e de repente o olho fica pesado e é tão difícil deixar ele aberto. Se este é o seu caso, confira cinco dicas especiais para que você continue com o seu foco.

Escolha refeições mais leves

O seu corpo gasta energia para digerir todos os alimentos que você consumiu. Então é só fazer a conta, quanto mais você ingerir, mais energia você vai gastar. E a energia que deveria estar no seu aprendizado está literalmente em sua barriga. Por isso, você vai se sentir mais cansado e com sono.

Café, mas com moderação

A cafeína presente em alimentos e bebidas como chocolate, café e açaí pode até ajudar, mas o exagero leva a problemas de saúde. Segundo a Autoridade Europeia de Segurança Alimentícia, o ideal para ajudar no rendimento de atividades físicas e intelectuais é a ingestão de 75mg a 300mg de cafeína ao dia, isso equivale a beber de meia a três xícaras de café por dia.

Em alto e bom som

Explicar a matéria para um irmão, mãe, pai, tia ou cachorro ajuda muito. Assim você se mantém concentrado na matéria para se fazer entender. Não tem ninguém disposto a isso? Não tem problema, você pode falar para você mesmo em voz alta. Pode até ser em frente ao espelho, assim você já treina a forma como se apresenta e seus gestos durante a explicação.

Relaxe

Você precisa de um lugar confortável para estudar, mas nada de ficar deitado na cama. Estude sempre sentado, em um lugar bem iluminado, de preferência longe do seu quarto. E se o sono bater, vale levantar, andar um pouco pela casa e até lavar o rosto ou tomar um banho (não muito quente).

Respeite seu sono

Se você e seu raciocínio não funcionam muito bem de manhã, não adianta acordar junto com o galo para o dia render mais e acabar não encontrando o foco necessário. Lembre-se primeiro qualidade, depois quantidade. Melhor duas horas de estudo com foco do que cinco no processo de “tentando acordar e estudar”. Mas nada de trocar o dia pela noite também. Pesquisas mostram que essa prática pode alterar o metabolismo e prejudicar o bom funcionamento molecular.

Coloque as dicas em prática e bons estudos!

Fonte: Blog Aprova Concursos

Flávia Siqueira – (32) 9 8479-2772 – flaviasiqueira182@gmail.com