Economia

Alternativas para economizar diante do aumento das tarifas de transporte público

12575815_990253164347299_1953981290_n

Em tempos de crise econômica, o aumento das passagens de ônibus faz as pessoas refletirem sobre alternativas para economizar e buscar novas soluções

As tarifas do transporte público aumentaram em diversas cidades do país, aqui na região também não foi diferente. Em tempos de crise, esse aumento faz com que as pessoas reflitam sobre alternativas para economizar, também no gasto com transporte. Vale apostar em caronas, caminhadas, bicicletas ente outras. Confira algumas dicas:

Bicicleta: Seja por motivos ambientais ou pela atividade física, a bike vem se tornando um dos meios de transporte mais populares dos grandes centros e é uma ótima alternativa para quem busca reunir sustentabilidade, bem-estar e economia. Ideal para trajetos curtos.

 
Home Office: Um dos métodos que também vem se popularizando no Brasil, o fato de poder trabalhar em casa, evita gastos com transporte e proporciona o conforto do lar para um dia tranquilo de trabalho. Ideal para casos em que a concentração é essencial para o desenvolvimento das atividades.

 
Mudança: Para quem vive de aluguel, vale a pena colocar os custos na ponta do lápis e investir em morar próximo ao local de trabalho. Se o valor for muito alto, vale a pena repensar em dividir o “apê” com amigos. Com essa opção, troca-se o valor gasto em passagens por qualidade de vida e ganha-se tempo para atividades mais agradáveis do que passar horas dentro do transporte público.

 
Carona: Para que gastar com ônibus e metrô, se podemos compartilhar uma carona? Se você tem um colega de trabalho, ou vizinho, ou conhecido que vai para o mesmo destino que você, que tal dividir os custos do combustível e tornar o trajeto mais confortável? A alternativa é ideal para pessoas que moram em uma cidade e trabalham em outra. Além do trajeto ser mais confortável, é mais sustentável e muito mais barato.

 
Almoço no escritório: Para quem tem refeitório ou cozinha no local de trabalho, uma boa dica é almoçar no local de trabalho, evitando o deslocamento no horário de almoço. Além de economizar na passagem você pode reduzir seu intervalo de almoço e negociar com o chefe uma folga ou sair mais cedo todos os dias. Você pode pedir uma quentinha ou, levar a sua própria comida para esquentar no trabalho, economizando ainda mais.

Flávia Siqueira, com dicas da Tripda
Imagem retirada da internet